You are here
Home > posts em destaque > Roteiro nada básico de Roma em 2 dias – primeiro dia

Roteiro nada básico de Roma em 2 dias – primeiro dia

Dois dias em Roma! Puxa, só isso?! Dois dias não é suficiente para curtir tudo ou fazer uma imersão total na cidade. Mas com um roteiro bem planejadinho, e se você realmente não puder dedicar mais tempo à Cidade Eterna, pensamos em elaborar um roteiro nada básico de Roma em 2 dias, para você curtir Roma ao máximo e ser muito feliz!

Programa do Dia:

Quando redigimos esse roteiro pensamos em uma visita durante a primavera ou verão, épocas em que temos uma quantidade enorme de horas de luz por dia: pelo menos das 6 às 20h no final de abril-início de maio, e luz praticamente das 5:30 às 21:30 em Junho-Julho. Sinceramente acreditamos que esse roteiro exige bastante disposição para caminhar, destinado a quem realmente não tem como passar mais dias em Roma, mas que quer ver tudo o que pode. Para tal, planejamos um roteiro visual para seus dois dias de felicidade plena e total em Roma. Venham com a gente:

Começamos nosso passeio pela Fontana di Trevi.

Roma_-_Fontana_di_Trevi

Para tirar as melhores fotos e jogar a moedinha sem ter que disputar um espacinho com centenas de turistas, o melhor é ir até a Fontana di Trevi antes das 10 da manhã. Ela está sempre cheia a qualquer hora do dia ou da noite, faça chuva ou sol. Tenha muito cuidado com batedores de carteira! Saindo de lá caminhe até a Via del Corso, uma das principais avenidas do Centro Histórico de Roma até chegar à Piazza Venezia. Ao chegar na Via del Corso, você vai dar de cara com a Piazza Colonna e a maravilhosa Coluna de Marco Aurélio. Ela foi colocada aqui antes do ano 193 d.C. pelo SPQR (Senado e Povo Romano) em homenagem a Marco Aurélio que faleceu em 180 d.C.

Piazza Colonna em Roma
Piazza Colonna em Roma. Crédito da Foto: Wikicommons

O passeio mal começou e já deu para perceber quanta história?! Saindo da Piazza Colonna, continue a caminhar pela Via del Corso até chegar a Piazza Venezia. De lá você já vai ver o Coliseu lá no fundinho, mas antes vamos conhecer mais de perto o Vittoriano ou Altare della Patria.

IMGP4528

O Vittoriano é um dos monumentos mais imponentes de Roma. Dá para vê-lo de longe estando em qualquer um dos pontos altos da cidade, como a colina Gianicolo, por exemplo, já abordada no nosso blog, como indicação de um dos locais de onde ter uma vista privilegiada da cidade. Você também vai poder ver a linda praça do Capitólio e o Teatro de Marcelo durante a subida da escadaria do Vittoriano. Lá de cima do Terraço Panorâmico, dá para ter uma vista de Roma de tirar o fôlego. Para saber mais sobre o terraço, leia o nosso post: Vista Panorâmica 360 graus do Vittoriano: Roma aos seus pés e muita emoção.

IMGP4469

Uma boa pedida é parar e tomar um cafézinho ou drink na Caffetteria Italia

IMGP4477

Após ter visitado o Vittoriano e visto Roma do alto em toda a sua magnífica e imponente beleza, chegou a hora de visitar o soberano de Roma: o Coliseu. E como você só tem dois dias para ver tudo, que tal entrar no Coliseu sem ter que enfrentar filas, como já explicamos para vocês no post Como furar fila no Coliseu sem reserva antecipada. Com o Roma Pass também é possível furar a fila.

forum_augusto_turismo_roma
Fórum de Augusto ao entardecer.

Caminhando pela Via dei Fori Imperiali, a rua que conduz até o Coliseu, à sua esquerda, você também pode contemplar o Fórum de Augusto, o Fórum de Traiano e o Fórum de Nerva.

fotos_28 aprile_subterraneo coliseu 001
Vista interna do Coliseu. Céu azul natural. Foto sem filtro!

Se você tem o Roma Pass, também pode beneficiar-se do papa-filas e visitar também as ruínas do Fórum Romano e do Palatino. No nosso post Visitando Roma com o Roma Pass, demos todas as explicações sobre o Roma Pass, validade, preço, onde comprar, como usar, etc. Não se esqueça de tirar uma foto no Arco de Constantino, ali a dois passos do Coliseu.

IMGP4473
Palatino e Foro Romano vistos do alto (foto feita no terraço panorâmico do Vittoriano).

Terminada essa primeira parte, dou dica de um lugar onde vocês podem parar para um lanche rápido, mas saboroso: Pizza & Mortadella, via Cavour 279/281. Sempre que passo por ali, como um pedaço de pizza al taglio. Após o almoço, chegou a hora de visitar o Circo Máximo e de lá conhecer um dos mais fascinantes segredos de Roma: O Buraco da Fechadura (Il Bucco della Serratura)

399px-StPetersBasilica_Keyhole_2
Esta é a vista ampliada do Buco della Serratura. Crédito: Foto Wiki Commons

Do Buraco da Fechadura do portão da Vila dos Cavalheiros de Malta, é possível ver a cúpula da Basílica de São Pedro. Este é um dos segredos mais bem guardados de Roma. Os jardins da Vila não estão abertos ao público, exceto em ocasiões muito raras e com passeios organizados por associações culturais.

De lá você pode caminhar um pouco e ir até a Boca da Verdade (la Bocca della Verità). Você não sabe o que é? Esse monumento muito engraçado é idolatrado pelos turistas orientais. Na fila sempre há milhares de japoneses para tirar fotos, principalmente das suas esposas e namoradas, para saber se elas são fiéis ou não!

boca_verdade_roma

Na Idade Média nasceu uma lenda sobre essa máscara: para saber se uma pessoa estava dizendo a verdade ou não, era necessário que ela colocasse a mão dentro da bocarra. Se ela estivesse mentindo, a boca devoraria a sua mão. Os homens levavam suas namoradas, amantes e esposas e ao pedir que colocassem a mão na bocarra, desandavam a fazer perguntas. Ao sair da Bocca della Verità você vai aos poucos se reaproximar da Piazza Venezia. Se estiver muito cansado e quiser mais uma pausa, a partir das 17h é possível tomar um drink no terraço panorâmico do Hotel Fortyseven. Num dia de sol, o terraço tem uma vista maravilhosa para o Rio Tibre e para os templos do Fórum Boario. Do outro lado do Rio está o bairro Trastevere. Também poderá observar o Teatro di Marcello.

dicas_terrazza_Caffarelli

Continuando a caminhar, você poderá conhecer a Praça do Capitólio (Piazza del Campidoglio) e ter mais uma vista panorâmica de Roma, da Terrazza Caffarelli, que fica bem em cima dos Museus Capitolinos. Pode ser mais uma boa opção para ir dando uma desaceleradinha, e recuperar um pouco de energia para ainda curtir a noite. Lá em cima há um bar com preços abordáveis.

O que aconselhamos para quem quer curtir a noite?

Um passeio com jantar no Trastevere, quem sabe seguido de um drink/sorvete no Campo de’ Fiori? No nosso blog você vai encontrar um post no qual falamos do Guia Gastronômico da Prefeitura de Roma, com várias dicas quentes de ótimos lugares onde comer una vera pasta italiana, capisci?

Mapa do Percurso

Post relacionado: Roteiro nada básico de Roma em 2 dias – segundo dia

Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa

A Itália faz parte dos países europeus signatários do Tratado de Schengen que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Real Seguros, empresa parceira do blog. A cotação é totalmente gratuita e você pode comprar os produtos de várias seguradoras. Além de garantir o menor preço, o seu seguro pode ser parcelado em até 6 vezes sem juros no cartão de crédito. Descontos de 5% para pagamentos à vista com boleto bancário. Os seguros cobrem assistência médica e hospitalar, com possibilidade de atendimento no seu hotel, remarcação de voos, extravio de bagagens e até traslados em caso de falecimento no exterior. Não confie na sorte.

Compre seus ingressos agora e pule a file!

Filas em Roma? Nunca mais! Ingressos para o Coliseu, Museus Vaticanos, além do Roma Pass, o passe que une meios de transporte às atrações turísticas. A interface do site e o atendimento são em língua portuguesa.


Para mais ingressos, visite a página de ingressos do Roma Pra Você.

Similar Articles

69 thoughts on “Roteiro nada básico de Roma em 2 dias – primeiro dia

  1. Ótimo roteiro, bem básico e suficiente para 2 dias.
    Ah eu quero concorrer ao guia do Colisseo !!!! Mas pode ser em Italiano invés espanhol? Rs
    Mas se não puder quero mesmo assim rs

    Bjs
    Dani Bispo

  2. Parabéns pelo 1 ano de vida!!! Este blog tem me ajudando muito nas pesquisas! Estarei desembarcando dia 28 de julho em Roma e estou absorvendo tudoooo do blog! Muito obrigada por todas as dicas!
    Coloca o meu nome no sorteio, por favor! 😉
    Bjos!

  3. Ótimo roteiro, mesmo pra quem vai ficar mais tempo.. aí dá pra fazer tudo com calma.
    Ah.. bem que o guia que estão sorteando podia ser em italiano, hein.. aí já ia colocando em prática minhas aulas de italiano e treinando pra viagem à Roma! rs 😉
    Mais uma vez, parabéns!

    1. A unica coisa a ser considerada é: em janeiro escurece por volta das 17h e é um mês chuvoso. Consulte a previsão do tempo e organize-se conforme. Abs, Luciana

  4. Oi, bom dia. Irei para Roma no final de setembro e gostaria de visitar o museu do vaticano e capela sistina. Qual melhor opção de passeio, visita monitorada ou não há necessidade. Obrigada

    1. O mais importante é que vc compre o ingresso com dia e horario marcados, para nao enfrentar filas. Quanto à visita guiada, isso vai da preferencia pessoal. Geralmente os guias de turismo dao explicações bem legais. Todas as infos estão no site do Vaticano. Abs, Luciana

  5. Oieee para quem vai viajar em Janeiro, é necessário comprar os passeios antes?
    Tipo o vaticano e a capela sistina?

    1. Orvieto, Calcata, Castel Gandolfo e a Villa com os jardins do Vaticano (passeio que deve ser reservado no site do Vaticano), Tivoli (Villa Adriana e Villa d’Este). Orvieto e Calcata há posts no blog e chega-se em aproximadamente 1 hora de trem. Abs, Luciana

  6. Olá!! Muito bom seu post! Estou com uma dúvida.. quero fazer a visita guiada que dá direito entrar nos suberraneos do coliseu.. é por este ,esmo site para comprar com esta opção? Obrigada

  7. Luciana boa tarde,

    Primeiro quero agradecer a disposição para nos passar tanta informação sobre Roma, toda semana procuro algo novo que encaixe em meu roteiro. Foi muito útil seu roteiro de 2 dias, mas ainda tenho 2 de sobra, ou seja, ficarei 4 dias e 3 noites em Roma, caso você tenha um roteiro para me indicar vou ficar muito contente.
    * Estarei em lua de mel, kkkk

  8. Seu blog é excelente e traz dicas importantes sobre Roma e vou aproveitá-las durante o meu intercâmbio na Itália onde vou fazer um curso de italiano em Florença e vou aproveitar para visitar esta cidade histórica e cultural. Estou super ansioso para fazer o meu intercâmbio em Florença e conhecer também outras cidades. Espero que o meu curso de italiano na Itália melhore bastante os meus conhecimentos de linguagem

  9. Lu, parabéns pelo blog!! Havia montado um roteiro, mas estou fascinada por suas dicas, já me sinto caminhando por Roma e provando as delícias que você nos descreve. Chegarei no próximo sábado e ficaremos 6 dias, como estou gestante vou fracionar o seu roteiro para caminharmos com mais calma. A cidade já estará quente? Fiquei com uma dúvida, os roteiros do ano da misericórdia são para serem percorridos em um único dia? Felicidades, Lu Amusu

    1. Sim, esses roteiros do Jubileu são para um único dia. Mas, claro, você pode dividi-los conforme seu ritmo de viagem. Ainda não está excessivamente quente não, dias ensolarados e temperaturas agradáveis. Semana passada teve um pico de 25 graus, mas não acredito que teremos dias muito quentes pelo menos até o fim do mês. Qq coisa dá uma olhada no site http://www.ilmeteo.it porque eles tem previsao do tempo para 15 dias. Um abraço e boa viagem.

  10. Oi Lu!Estou lendo o seu blog praticamente todo rs.. estou me baseando muito no seu roteiro de 2 dias em Roma para a minha viagem em dezembro.. como foi escrito em 2014, acrescentaria algo novo ou diferente para os dias de hoje? Obrigada! 🙂

    1. Acho que se for uma viagem de primeira vez, está super de bom tamanho.
      Talvez um belo passeio pelo bairro Monti (tem um post publicado recentemente).
      Um abraço,
      Luciana

  11. Gostaria de saber se tem como pagar um guia em espanhol para fazer a visita no Coliseu e Foro Palatino e, se sim, qual o valor. Obrigada

  12. Vou ficar apenas 2 dias em Roma e seus posts sobre a cidade já estão nos meus favoritos desde que comecei a planejar a viagem. Uma dúvida apenas: para dar tempo de fazer tudo isso, que horas devo começar? Muito obrigada!

  13. Oi Luciana, tenho lido bastante seu blog! Muitas infos interessantes! Chegaremos em Roma em uma quarta-feira de manhãzinha e já vimos que será um dos dias em que o papa irá aparecer. Queríamos ir direto de Fiumicino para o Vaticano para não perder muito tempo e estamos pensando em deixar as nossas bagagens nos porta-volumes da Basílica. O que vc acha? Ou seria melhor deixar no Termini? Obrigada.

  14. Mais dúvidas hehehe…

    Enfim, não citei, mas minha viagem não é à Roma, é para a Rússia, mas como sou louca pra conhecer Roma, peguei duas conexões longas, uma na ide e outra na volta, então terei apenas dois dias mesmo. Irei voltar certamente, mas estou tentando planejar o básico para esse tempo.

    Li em algum lugar uma dica para dividir o Vaticano em duas manhãs,afim de evitar as multidões. Uma para Praça + Basílica, e outra para Museus + Capela Sistina. Tu achas que é uma boa?
    Junto com isso tenho uma reserva para o Subsolo do Coliseu no primeiro dia às 15:20. Pensei em fazer o seguinte:

    Dia 1: vôo chega às 07:15, vamos direto para os o Vaticano, fazemos Praça + Basílica (talvez parar rapidinho na Fontana di Trevi para fazer umas fotos sem muita gente). Almoçar. Visitar o Palatino + Fórum Romano antes das 15:20, ir para a visita ao subsolo do Coliseu e depois visitar a área comum do Coliseu. Nosso vôo de volta é só às 22 horas, acha que dá pra fazer algo mais?

    Dia 2: Chegamos em Roma às 08:25. Museus + Capela Sistina. e à tarde não sei o que é melhor acrescentar.

    Pelo teu roteiro faltaram • Piazza Colonna e Via del Corso
    • Piazza Venezia
    • Circo Máximo
    • Buraco da Fechadura
    • Boca da Verdade
    • Vittoriano (retornando à Piazza Venezia)
    • Castelo Sant’Angelo
    • Piazza Navona
    • Pantheon
    • Piazza di Spagna
    • Via Condotti e outras ruas de compras.

    Onde seria melhor colocar essas coisas? Acho que não vai dar pra tudo ne?
    🙁

    Dois dias é muito pouco mesmo, mas como tu fizeste essa roteiro de 2 dias, talvez posso me ajudar a organizar esse milagre…
    Ah, somos super agitados, então não se preocupe se tivermos que caminhar um monte hehehe

    Mais uma vez, muitíssimo obrigada!

    1. Acho que seguindo o roteiro de 2 dias do blog vocês conseguem fazer bem tudo isso.
      Só não acho necessário dividir o Vaticano em 2 dias.
      Só prestem atenção a 2 coisas: às quartas-feiras tem a audiência geral com o papa, portanto a Basilica de São Pedro só abre depois do meia-dia.
      Os Museus do Vaticano fecham aos domingos, exceto o último do mês quando tem entrada grátis.
      Considerem que tendo um voo saindo às 22h. Vocês precisam estar no aeroporto por volta das 19h, porque Fiumicino tem sempre filas enormes.
      Boa viagem e curtam muito.
      Luciana

  15. boa tarde, vou em dezembro e estou reservando o hotel agora, pra fazer este roteiro vc acha melhor ficar perto do vaticano ou perto do centro?

    1. Acho melhor ficar perto do Centro, mas, na verdade, o Vaticano dista uns 15 minutos a pé do centro de Roma e tem metrô.
      Boa viagem,
      Luciana

  16. Esse roteiro ficou show!!! Eu sempre faço o caminho contrário, começando pelo Coliseu e terminando na Fontana. Ainda nã conheço o Buraco da Fechadura, mas vou tratar de inclui-lo na próxima ida a Roma. Ô cidade maravilhosa!

  17. Olá! Gostei imenso desse roteiro para dois dias… e as dicas também! Para final de Março, o tempo está melhor para esse tipo de tour?

    1. O tempo ainda pode estar um pouco incerto. Ainda faz um pouco de frio, mas, com sorte, há menos chuvas.
      Obrigada por comentar,
      Luciana

  18. Passarei tres dias (lua de mel) em Roma em dezembro. Voce pode me ajudar a montar um roteiro? Fiquei assustada com tanto lugar pra visitar. rsrs. Infelizmente não podemos passar mais dias em Roma.De Roma seguimos pra Florença, Veneza e Milão

    1. Logo logo teremos um roteiro de três dias aqui no blog, com todas as principais atrações e passo-a-passo.
      Um abraço e bom 2017,
      Luciana

  19. Primeiramente gostaria de parabenizar pelo blog. Estou programando uma viagem para Roma e as dicas foram extremamente úteis. Estarei em Roma com minha esposa entre os dias 29/04 a 04/05 (04 dias inteiros).
    Montei um roteiro inicial, e gostaria muito de vosso auxilio para avaliar ao mesmo. Lembro que no 02° dia será feriado de 01 de maio e muitas atrações estarão fechadas. Estarei hospedado no Transtevere.

    -DIA 01 (30/04):
    Coliseu, Palatino e Forum
    Arco de Constantino
    Circo Massivo
    Piazza Venezia,
    Monumento a Vittorio Emanuelle II

    -DIA 02 (01/05)
    Basílica do Vaticano
    Museu do Vaticano, Capela Sistina
    Algo mais?

    -DIA 03 (02/05)
    Phanteon
    Basílica di Santa Maria Sopra Minerva.
    Piazza Navona
    Fontana Di Trevi
    Piazza del Popolo
    Piazza del Spagna

    -DIA 04 (03/05)
    Audiência com Papa (Vaticano)
    Castelo San Ângelo
    Basílica di San Giovanni
    Algo mais??

    Gostaria muito de receber sua opinião, e sugestões de acréscimos ou alterações.

    Antecipadamente agradeço pela atenção

    1. Oi, Marcio,
      Se gostarem muito de museus, aconselho a Galleria Borghese (no dia 4). Ela foi um dos museus de cedeu obras de arte para o Louvre (Napoleão Bonaparte era cunhado em um príncipe Borghese).
      Ou ainda: subir até a Cúpula da Basílica de SÑo Pedro e/ou visitar os subterrâneos da Basílica. Tem posts aqui no blog sobre esses passeios à parte:
      http://www.romapravoce.com/cupula-da-basilica-de-sao-pedro/
      http://www.romapravoce.com/visita-ao-tumulo-de-sao-pedro/
      Boa viagem,
      Luciana

  20. Luciana, vou visitar o Coliseu e o Palatino num sábado deste mês, fiz reserva do ticket online mas errei em não escolher a opção de pedir o arquivo pdf do ingresso e só me enviaram o código da reserva. Te pergunto se você sabe se existe fila menor para eu retirar o ticket ou devo ficar na mesma fila do pessoal que compra o bilhete?

    1. Você tem que ir para a entrada PRENOTAZIONI ou GRUPPI PRENOTATI.
      Sim, na verdade é uma fila bem menor, para quem já comprou online e você rapidamente pega o bilhete.
      Imprima o código da reserva. Na verdade o bilhete em PDF é um voucher e você teria mesmo que passar por essa bilheteria “vip” para quem já reservou.
      Um abraço,
      Luciana

Deixe uma resposta

Top
Close