You are here
Home > Bairros e Áreas de Roma > Desvendando os arredores do Quirinale

Desvendando os arredores do Quirinale

 tour guiado em roma 728x90

 

O Quirinale é um dos menores bairros do centro de Roma. Muitos passam por lá por acaso e ficam maravilhados pelas esculturas mais famosas do local: as Quatro Fontes (Le Quatro Fontane) que foram restauradas recentemente e estão resplandecentes.

Mas no minúsculo bairro que fica “escondido” entre a Via Nazionale, Piazza della Repubblica, Fonte do Tritão e Fontana di Trevi, há tesouros inestimáveis da arte italiana.

Desvendando o Quirinale: onde fica o bairro?

O Quirinale é uma das sete colinas sobre as quais Roma foi fundada, só para vocês terem ideia de quanto essa área é antiga. Dado que ali também está localizado o Palácio do Quirinale, residência oficial do presidente da república italiana, quando se fala em Quirinale, a palavra quase sempre tem uma conotação política, de lugar do poder.

O bairro se resume basicamente às ruas Via Venti Settembre que continua na Via del Quirinale e às ruas transversais.

A Fonte do Moisés

O primeiro monumento a ser contemplado no Quirinale é a Fontana del Mosé (Fonte do Moisés) também conhecida como Fontana dell’Acqua Felice, que marcava o final do acqueduto Acqua Felix. Ele não é um dos antigos aquedutos romanos, mas foi inaugurado em 1586 por ordem do Papa Sisto VI, cujo nome de batismo era Felice. Esse foi o primeiro aqueduto da “era moderna” de Roma. Todos os demais haviam sido construídos na Roma antiga.

quirinale-roma-11

Nele vemos a figura de Moisés e quatro leões de cujas bocas jorra água.

Caminhando pela Via Venti Settembre você vai cruzar com algumas igrejas protestantes e quartéis militares, como o do Reggimento Corazzieri, que é a guarda de honra do Presidente da República.

As Quatro Fontes

Mas é no cruzamento com a Via delle Quattro Fontane que podemos ver mais duas pérolas do Quirinale: as Quatro Fontes e a Igreja de San Carlo alle Quattro Fontane, cuja cúpula e claustro são obras de Francesco Borromini.

fontes-de-roma_6-1024x768

Bem no cruzamento mesmo, em cada canto encontra-se uma fonte com uma estátua e cada uma delas representa uma figura mitológica: as deusas Diana e Juno representam força e fidelidade. As duas figuras alegóricas masculinas representam o rio Tibre e o rio Arno, de Florença. (Algumas fontes citam que, a outra estátua não representa o Tibre, mas, sim o rio Aniene, o segundo maior rio de Roma, que desagua no rio Tibre.).

Leia também: 

As 4 fontes renascentistas da via dele quatro fontane

Igreja de San Carlo al Quirinale ou San Carlino

quirinale-roma-12

Do ladinho de uma das fontes, encontra-se uma das mais visitadas igrejas barrocas de Roma. O mármore escurecido da sua fachada não nos deixa imaginar o tesouro arquitetônico que ela reserva aos nossos olhos: uma das menores e mais belas e mais elaboradas cúpulas de Roma, obra de Francesco Borromini, gênio incompreendido e “eterno rival” de Bernini.

quirinale-roma-15

As vilas e jardins públicos

Continuando a caminhada pela Via delle Quattro Fontane, na mesma calçada da Igreja de San Carlo, encontram-se duas “vilas” ou jardins públicos bem verdes e relaxantes: Giardino di Sant’Andrea al Quirinale e Villa Carlo Alberto al Quirinale.

quirinale-roma-16

Para quem viaja com crianças, ou simplesmente quer repousar um pouco as pernas, nos dois parques há vários banquinhos e nos dias ensolarados o ambiente é ótimo para passar alguns momentos de tranquilidade.

Mas o final da caminhada ainda reserva verdadeiros tesouros: a Igreja de Sant’Andrea al Quirinale, cujo projeto é de Bernini, o Palácio Presidencial do Quirinale diante da sua imponente praça e fonte, além das Scuderie del Quirinale, antigas estrebarias que hoje hospedam um dos melhores museus de Roma. Como nada nos falta, de frente para a praça também se encontra o Palazzo dela Consulta, sede da Corte Constitucional da República Italiana.

A Galleria Nazionale d’Arte Antica no Palazzo Barberini

quirinale-roma-5

Descendo pela Via delle Quattro Fontane em direção à Fontana del Tritone (também de Bernini), é possível visitar mais um dos grandes museus de Roma: A Galeria Nacional de Arte Antiga no Palazzo Barberini. Existe outra sede da galeria no Trastevere, no Palazzo Corsini.
Prepare seus olhos e coração para admirar Caravaggio, Guercino, El Greco, Lorenzo Lotto, Rafael, Tiziano e Tintoretto entre outros.

A Igreja de Sant’Andrea al Quirinale

Sant’Andrea al Quirinale, projeto de Gian Lorenzo Bernini e construída entre 1658 e 1678 para os padres da Companhia de Jesus, abriga um dos altares e cúpulas mais bonitas de Roma, apesar da igreja ser bem pequena. A causa da total falta de espaço, Bernini decidiu construi-la de forma oval, o que faz com que ela seja bem diferente de todas as demais igrejas barrocas de Roma.

1810-sant-andrea-al-quirinale-altar
Crédito: Wikimedia Commons – Reprodução Gratuita

A Piazza del Quirinale, sua fonte e obelisco antigos

Alguns metros mais adiante chegamos em frente à majestosa Praça do Quirinale, de onde podemos ver a cúpula da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

quirinale-roma-6

No centro da Praça, A Fontana dei Dioscuri (Fonte dos Dióscuros) que estava nas Termas de Constantino, do ano 315 d.C. e que se localizavam justamente no bairro do Quirinale. As duas figuras masculinas são os dióscuros, ou seja, os gêmeos Castor e Pollux.

quirinale-roma

Já o obelisco egípcio pertencia ao Mausoléu de Augusto, hoje uma ruína aguardando restauração, localizado na Piazza Augusto, bem ao lado da Ara Pacis de Augusto. O mausoléu começou a ser construído em 28 a.C. e foi inaugurado no séc I a.C., então vocês podem imaginar que o obelisco é bem antigo mesmo!

quirinale-roma-3

quirinale-roma-10

O Palazzo del Quirinale

Desde 2015 o Palazzo del Quirinale pode ser sempre visitado pelo público. Antigamente ele era visitado somente em datas especiais, depois passou a ser aberto aos domingos, e agora ele pode ser contemplado, mas é necessário reservar a visita on-line com pelo menos cinco dias de antecedência. Mas você pode fazer uma visita virtual, comodamente da sua casa, clicando aqui.

quirinale-roma-7

O Palácio do Quirinal tem uma história bem interessante: quando as tropas francesas ocuparam Roma, Napoleão Bonaparte pensou em transformar o palácio em uma espécie de Versailles. Mas a verdade é que o imperador nunca chegou a residir no local e, entre residência papal e residência real, em 1870 o prédio passou às mãos da família real Savoia, e com a proclamação da república desde 1946 o palácio é de propriedade do Estado Italiano.

Berlina-Egiziana
Crédito: www.turismoroma.it

Não é possível tirar fotos durante as visitas, mas aconselho não perder a oportunidade de visitar a sala das carruagens reais. Vocês ficarão boquiabertos com tanta beleza.

Scuderie del Quirinale

Do outro lado da praça, encontram-se as Estrebarias do Quirinal. Antiga estrebaria pertencente ao palácio do Quirinal, hoje é dia é um dos museus que hospedam as melhores mostras internacionais que chegam à capital italiana. Mas não é só isso: da parede de vidro do museu, entre o segundo e terceiro andares (só dá para vê-la na descida) temos uma das vistas panorâmicas mais deslumbrantes de Roma.

quirinale-roma-8

Ao chegar aqui nesse ponto, em direção ao final da Via del Quirinale, começa o pitoresco e badalado bairro Monti, na foto abaixo, ali onde vemos aquela torre medieval.

quirinale-roma-9

Para a Fontana di Trevi… é só um pulinho

Daqui para a Fontana di Trevi, ó, é só um pulinho! Descendo a ladeira por trás da Piazza del Quirinale, em cinco minutinhos chega-se até a fonte barroca mais bonita de Roma.

Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro de Viagem para a Europa
A Itália faz parte dos países europeus signatários do Tratado de Schengen que exige um seguro de viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Seguros Promo, empresa parceira do blog. A cotação é totalmente gratuita e você pode comparar os preços de várias seguradoras. Descontos de 5% com o código ROMAPRAVOCE5. Os seguros cobrem assistência médica e hospitalar, com possibilidade de atendimento no seu hotel, remarcação de voos, extravio de bagagens e até traslados em caso de falecimento no exterior. Não conte com a sorte, contrate um seguro!

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com
 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. Só em Roma, o Booking.com oferece mais de 9.000 acomodações, das quais mais de 5.000 hotéis. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Pode reservar sem compromisso (inserindo o número do cartão de crédito) e só pagar ao fazer o check-in. O cancelamento da reserva é grátuito. Booking.com

Similar Articles

Deixe uma resposta

Top