You are here
Home > Bate-volta > Bate-volta perfeito: visitar a Villa d’Este em Tivoli

Bate-volta perfeito: visitar a Villa d’Este em Tivoli

Aproveitamos os dias primaveris, com sol e temperaturas um pouco mais quentes, para irmos visitar Villa D’Este, em Tivoli, nos arredores de Roma. Villa D’Este é um dos sítios italianos que fazem parte do patrimônio Unesco e também representa não somente a arquitetura renascentista, como possui maravilhosos jardins, que também são exemplos do “giardino all’Italiana”. São jardins renascentistas onde reinava não só a beleza, mas também a ordem simétrica com a qual as plantas o adornavam.

visitar-villa-este-tivoli

Os jardins da Villa são decorados também fontes e piscinas ornamentais, sendo um exemplo quase único de jardim renascentista do séc XVI.

 villa-deste-tivoli

 

Os ambientes internos e seus maravilhosos afrescos

Mesmo acostumada com a suntuosidade dos palácios italianos, a Villa D’este me deixou boquiaberta pela sua beleza. Antes de chegar aos jardins, que são a maior atração, percorremos os ambientes internos ricamente decorados com estuques e afrescos.

visitar-villa-deste-tivoli_8

 

visitar-villa-deste-tivoli_9

A Villa foi construída em 1550 a mando do cardeal Ippolito D’Este. As fontes são alimentadas pelo rio Aniene, o segundo rio de Roma, depois do rio Tibre.

As salas são ligadas umas às outras, então passa-se de um ambiente ao outro, e das janelas, além de admirar o verde dos jardins, é possível ver a cidade de Roma do alto, já que Tivoli fica em uma posição privilegiada.

visitar-villa-deste-tivoli_10

Os jardins com suas fontes e jogos de água

visitar-villa-este-tivoli_15

visitar-villa-deste-tivoli-2

Como já acenei acima, Villa D’Este é famosíssima pelos seus jardins e a quantidade de água que jorra. Há várias fontes e piscinas, com jogos de água e inclusive duas vezes por dia há um breve espetáculo do órgão acionado a água. Segundo informações que li na Internet, há cercas de 500 pontos de onde jorram água.

visitar-villa-este-tivoli_16

Desde a época dos antigos romanos, a cidade de Tivoli era habitada por aqueles que ali construíam suas casas e, como nesse caso, suntuosas vilas de veraneio, onde refugiar-se do calor de Roma durante o verão. A Villa D’Este graças à sua posição, e também aos jardins e fontes é um lugar bem fresco. Na verdade, enquanto estivemos por lá até sentimos um pouco de frio.

Não viaje para a Itália sem um Seguro Viagem

Compare os preços e compre o seu na Real Seguros  parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito. Page com boleto bancário e ganhe 5% de desconto.

visitar-villa-este-tivoli_19

No jardim reina uma enorme paz e silêncio ao som das águas e esse é um passeio maravilhoso, um bate-volta perfeito saindo de Roma.

visitar-villa-deste-tivoli-4

Visitar a Villa d’Este indo de ônibus

visitar-villa-este-tivoli_4

Tivoli dista aproximadamente 30 km de Roma. O modo mais fácil de chegar até lá é pegar a linha B do metrô em direção a Rebibbia e descer em Ponte Mammolo, a penúltima estação da linha. Ao sair do metrô suba até o andar térreo (nivel da rua) e à esquerda encontrará um bar/tabacaria que vende os bilhetes de ônibus para Tivoli. Eles custam 2 euros. Para facilitar, compre ida e volta.

visitar-villa-este-tivoli_5

Pegue as escadas rolantes à direita e suba para o primeiro andar. Ali é o terminal dos ônibus COTRAL (ônibus grandes e da cor azul) e são esses que levam a Tivoli.

Saem ônibus a cada 15 minutos e leva-se cerca de 1 hora para chegar a Tivoli. A parada mais próxima à Villa D’Este é o Largo Nazioni Unite (perto da Piazza Garibaldi), que costuma ser a penúltima parada do ônibus. Para ter informações detalhadas consulte o site da empresa de transportes http://www.cotralspa.it/home.aspx e veja os links ORARIO (HORÁRIO) e CAPOLINEA E PARTENZE (PONTO FINAL E SAÍDAS).

visitar-villa-este-tivoli_6
Esse aqui é o ônibus que leva a Tivoli

Visitar a Villa d’Este indo de carro

Não encontramos estacionamentos grátis nas proximidades, mesmo estacionando na rua é necessário pagar. Nossa dica mais do que preciosa é: vá direito para o estacionamento do Piazzale Matteoti, quase de frente para a Rocca Pia (uma antiga fortaleza). O estacionamento não aceita pagamento com cartões, só dinheiro em espécie. Se for estacionar nas vagas pagas na rua, tenha moedas à mão. Do estacionamento até a entrada da Villa D’Este são cerca de 10 min a pé. Talvez até um pouquinho menos.

Seu ponto de referência: Piazza Garibaldi

A entrada da Villa D’Este fica no fundo de uma rua/praça sem saída e para nós não foi fácil achá-la. A rua fica no fundo/lado direito dessa praça aqui, a Piazza Garibaldi, onde há uma enorme escultura de Arnaldo Pomodoro.

visitar-villa-este-tivoli_7

 Onde comer perto da Villa d’Este

visitar-villa-este-tivoli

Fomos abordados várias vezes por garçons de restaurantes chamando-nos para comer em determinado lugar. Eu acho que quem faz boa comida não precisa catar clientes na porta do restaurante. Como não havia feito nenhuma pesquisa prévia, resolvi me afastar 500 metros da Villa d’Este e procurar algum lugar onde os locais comem. Minhas opções eram encontrar uma rotisseria ou uma trattoria. Acabamos achando um lugarzinho simples, mas bem legal. Trata-se de um panifício que prepara alguns pratos fios e quentes na hora do almoço. Há opções vegetarianas e até veganas. Batemos um pratão de nhoque com molho de camarão e abobrinha e tomamos um copo de vinho branco. Total para duas pessoas: € 18.

visitar-villa-este-tivoli_3

VAPOFORNO PLEBISCITO. Endereço: Piazza del Plebiscito 6.

A página deles no Facebook é bem simpática e tem até vídeos da cozinha: https://www.facebook.com/fornozampaglioni

Endereço e Mapa com informações úteis:

A Villa D’Este fica na Piazza Trento 5, Tivoli. Site (fraquinho!): http://www.villadestetivoli.info/. Ingresso: 8 euros. Horário: Abre às 8:30 e fecha por volta das 17h no outono e inverno e às 19:30 na primavera e verão. Para ver com certeza os horários de fechamento mês a mês, consulte a página: http://www.villadestetivoli.info/servizi.htm

No mapa abaixo marquei a Piazza Garibaldi (ponto de referência), o estacionamento do Piazzale Matteotti, a entrada da Villa D’Este e o lugar onde almoçamos na Piazza Plebiscito.

 Vai visitar o Coliseu e os Museus Vaticanos/Capela Sistina?

Compre o fura-filas com a TicketBar. Venda fácil em Português.


Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa
A Itália faz parte dos países europeus que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Seguros Promo. Cotação gratuita com comparação de preços entre várias seguradoras.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com
 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Booking.com

 Comparador para viagens de trem na Itália
 Compre suas passagens de trem sem custo adicional com a Trainline. Com a Trainline é possível comparar passagens de trem das principais companhias ferroviárias na Itália e Europa, sem acréscimo de preço.

Similar Articles

6 thoughts on “Bate-volta perfeito: visitar a Villa d’Este em Tivoli

    1. Não, eu não faço atualmente, mas estou estudando a possibilidade de montar pacotes com transporte particular.
      Abs,
      Luciana

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top