Início Atrações Vittoriano: o controverso monumento em homenagem ao rei da Itália

Vittoriano: o controverso monumento em homenagem ao rei da Itália

Publicado em:

O Vittoriano é um daqueles monumentos que não passam despercebidos por quem visita Roma.

Imponente, de mármore branco e localizado em uma área bem central de Roma, entre a Praça Veneza e a Praça do Campidoglio, no caminho para o Coliseu.

Ele foi construído em homenagem a Vitor Emanuel II, primeiro rei da Itália unificada. A obra começou em 1888 e apesar de ter sido inaugurado em 1911, ele só foi completado em 1935.

Leia mais:

Mas apesar da sua beleza e monumentalidade, o Vittoriano também pode ser considerado um dos monumentos mais controversos de Roma, e além dos seus nomes oficiais: Vittoriano ou Monumento a Vitor Emanuel II, Altar da Pátria, Túmulo ao Militar Desconhecido, ele também tem um série de apelidos.

Ele também é chamado de máquina de escrever, bolo de noivo, dentadura, elefante branco e, ao longo desse post você vai saber o porquê.

Não perca seu precioso tempo em filas enormes!

Ingresso fura-filas para o Coliseu

Ingresso fura-filas para a Capela Sistina

Um pouco sobre a história do Vittoriano

Vitor Emanuel II foi o primeiro rei da Itália unificada. Antes da monarquia, o último período em que o território itálico tinha sido unido, era sob a égide do império romano.

O fim do império romano significou a fragmentação extrema do que hoje chamamos Itália e dominação por outras nações: espanhóis, franceses inclusive durante o período de Napoleão Bonaparte e os austríacos.

Portanto, Vitor Emanuel foi o símbolo dessa tão sonhada unidade da Itália, que queria tanto ter um rei.

Ter uma monarquia, significa o fim de invasões e dominações. Lembremos que as três nações que mais dominaram a Itália foram a França, a Espanha e a Áustria.

Com a morte de Vitor Emanuel, se reevocou aquela antiga roma dos arcos triunfais, das colunas, dos templos e decidiu-se construir,então, um monumento em homenagem ao primeiro rei da Itália.

O monumento foi detestado desde sua construção porque foi necessário destruir uma grande área do Monte Capitolino, que ainda guardava muitos vestígios medievais no local.

Uma das muitas demolições feitas para a construção do Vittoriano. Crédito: Fotos Alinari

A construção em si é frequentemente considerada pomposa e demasiado grande.

Como ele é muito grande e muito branco, ele destoa dos edifícios e das arquiteturas que o rodeiam. Isso fez com que ao logo do tempo, o monumento ganhasse vários apelidos.

Praça Veneza quando o Vittoriano ainda estava em construção. Crédito: Roma Sparita

Além de ser dedicado a Vitor Emanuel, após a primeira guerra mundial, ele também foi dedicado aos soldados mortos em guerras. Por isso ele também é chamado de Túmulo do Militar Desconhecido.

A troca da guarda do Vittoriano

Apesar de nada glamourosa se comparada àquela mais famosa do mundo _a de Londres_, Roma também tem o seu emblemático ritual diário de troca da guarda do Vittoriano.

Todos os dias, milhares de turistas sobem seus degraus para fazerem fotos panorâmicas, e para visitarem seus museus (que são gratuitos). Outros também vão até o terraço panorâmico cuja vista de Roma é fenomenal.

Mas quase ninguém sabe que os dois “guardinhas” que ficam ali parados ao lado da chama em homenagem ao Militar Desconhecido, troquem a guarda pontualmente todos os dias e a todas as horas.

Desde 1921, quando acolheu o túmulo do militar desconhecido, morto na primeira guerra mundial, o monumento também passou a ser conhecido como Altar da Pátria e, por isso, todas as forças armadas italianas participam da sua guarda de honra e à homenagem aos militares mortos na primeira e segunda guerra mundial.

Já que a guarda do Vittoriano conta com a participação de todas as forças armadas, a cada dia da semana a troca da guarda altarna a corporação das forçam armadas: exército, marinha, aeronáutica, polícia militar, etc.

troca-guarda-vittoriano-3

A guarda vigia o local 24 horas por dia. Se quiser testemunhar esse momento singelo, mas muito simbólico é só comparecer ao Vittoriano todos os dias, a cada hora pontual: 9, 10, 11h até o horário de encerramento das visitas ao monumento.

Quando o monumento está fechado, só é possível ver a troca de longe, do lado de fora das grades.

troca-guarda-vittoriano

Como a troca da guarda é pequena e breve, saiba que ela dura bem pouco. O ritual se dá em cerca de 5 minutos, portanto, seja pontual mesmo!

Dois pequenos vídeos com a Troca da Guarda:

Leia mais:

O terraço panorâmico do Vittoriano: uma vista espetacular da cidade

Um terraço panorâmico em Roma, onde muita gente não espera, fica localizado no Vittoriano ou Altare della Patria. Ele é um dos monumentos romanos que mais recebe visita dos turistas, e desde 2007 ele tem um terraço panorâmico com uma vista magnífica.

Foi ideia de um dos prefeitos da cidade ter esse local como terraço panorâmico em Roma. Uma vez ele subiu no teto do Vittoriano, e disse que era uma pena que o público não pudesse ter a oportunidade de ver a cidade do alto.

Logo em seguida começaram as obras e em 2007 foi inaugurado o elevador panorâmico que nos leva até o teto do monumento, e lá de cima a vista é simplesmente de tirar o fôlego! Não perca essa chance de jeito nenhum!

Para chegar ao terraço panorâmico, é necessário subir toda a escadaria do Vittoriano, passar por dentro do monumento e subir mais degraus. Ao fim dos degraus, da primeira sacada já dá pra ver Roma um pouquinho do alto, mas o melhor ainda está por vir.

Depois é necessário chegar até a parte posterior do monumento e pegar o elevador de vidro. Na parte posterior tem algumas ilustrações contando a história da construção, e também uma foto do monumento em 1930.

O bilhete para subir de elevador custa 10 euros, não aceita e nem faz desconto para quem tem Roma Pass, e também não aceitam pagamentos com cartão de crédito. Menores de idade não pagam. Jovens de 18 a 25 anos tem 50% de desconto.

O tempo de espera na fila foi inferior a 5 minutos e a capacidade do elevador é de 6-8 pessoas.

O terraço abre todos os dias, das 9:30 às 19:30, mas a bilheteria fecha às 18:45. O monumento não abre dia 25 de dezembro e 1 de janeiro. Todas as informações estão no site oficial de serviços turísticos e lazer da Prefeitura de Roma.

Chegando lá em cima… a sensação é única. Mesmo em um dia de muito calor, estava uma brisa maravilhosa, e ver Roma do alto dá uma sensação de ter o mundo aos nossos pés. Fiquei emocionada, mesmo depois de tantos anos morando em Roma. Lá em cima também tem uns binóculos panorâmicos cujo uso é gratuito.

Os museus gratuitos do Vittoriano

Além do terraço panorâmico, o monumento abriga três museus, dos quais dois são completamente gratuitos.

Complesso del Vittoriano

Este espaço hospeda grandes mostras nacionais e internacionais. Algumas das principais mostras/temas dos últimos anos: Cubistas e Cubismo, Salvador Dalì, Mondrian, Van Gogh, Renoir, Gauguin, A Itália de Garibaldi, Chagall.

Preço dos ingressos: 12 euros. Horário de abertura: de 2a a 6af: 9.30-19.30; 6af e sábado: 9.30-23.30; Domingo: 9.30-20.30 – A bilheteria fecha uma hora antes do horário de encerramento das mostras.

Endereço: Via di San Pietro in Carcere, com entrada pela Via dei Fori Imperiali. Este espaço hospeda grandes mostras nacionais e internacionais.

Museo Nazionale dell’Emigrazione Italiana

Um museu temático interessantíssimo que contra a emigração italiana para o mundo todo, tanto dos que buscavam melhores condições de vida, quanto aqueles que imigraram por problemas políticos, sobretudo durante a ditadura fascista.

O acervo do museu é muito interessante, além dos objetos objetos expostos possui suportes midiáticos é possível reconstruir a emigração de italianos no mundo todo inclusive por meio de documentários e filmes famosos como Sacco e Vanzetti.

Para que você saiba um pouco sobre esse museu, escrevemos um texto que você pode ler clicando em: Grátis dentro do Vittoriano: o Museu da Emigração Italiana.

Acesso pela Piazza D’Ara Coeli. A entrada é gratuita. Todos os dias das 9.30 às 18.30h – Última entrada: 17:45h.

Museo Sacrario delle Bandiere delle Forze Armate

Esse museu é dividido em duas partes: uma dedicada às “forças armadas terrestres”: Polizia, Carabinieri, Guardia di Finanza, Exército Italiano, Exércitos Voluntários, Exército Garibaldino, etc. e uma outra parte dedicada à Aeronáutica e à Marinha. Ali também fica o Túmulo do Militar Desconhecido.

O Túmulo do Militar Desconhecido (Il Milite Ignoto)

O túmulo do militar desconhecido representa todos os militares mortos na primeira guerra mundial e cujos corpos não puderam ser reconhecidos. Em 1921 a mãe de um soldado não identificado foi convidada a escolher um morto, para que representasse simbolicamente os jovens mortos na primeira guerra.

Devido à forte emoção, a senhora ajoelhou-se chorando diante de um túmulo, dentre os onze cadáveres ali presentes, o qual foi o escolhido para representar os mortos da guerra.

Com acesso pela Via dei Fori Imperiali. A entrada é gratuita e funciona das 9.30h às 18.30h. Fecha na primeira segunda-feira do mês.

Onde fica o Vittoriano?

O Vittoriano fica bem de frente para a Piazza Venezia, um ponto bem central de Roma. Para conhecer o monumento e o terraço panorâmico é possível acessar da entrada principal. Já para conhecer os museus gratuitos, é necessário passar pelas entradas laterais, no lado direito e no lado esquerdo do monumento.

Atrações turísticas próximas ao Vittoriano:

Veja a seguir serviços essenciais para a sua viagem

  • Seguro Viagem obrigatório para Itália e Europa em geral
A Itália faz parte dos países europeus que exige seguro de viagem com apólice mínima de € 30.000. Faça o seu Real Seguros.
  • Procurando hospedagem em hotel ou apartamento?
Reserve hotéis e apartamentos em qualquer cidade do mundo. Site em português e cotação em reais.
  • Aluguel de carro 
Vai viajar pela Itália, de norte a sul ou pelas colinas da Toscana? A melhor opção de viagem é alugar um carro.  
Luciana Rodrigues
Guia brasileira em Roma e Vaticano. Moradora de Roma há mais de 21 anos. Idealizadora e produtora de conteúdo do Roma Pra Você, para quem quer organizar a sua viagem a Roma em plena autonomia. Seja bem-vindo(a) e prazer em conhecê-lo(a)!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Dicas Mais Procuradas

- Advertisement -