You are here
Home > Arquitetura > Conheça o EUR, o bairro ícone da arquitetura fascista

Conheça o EUR, o bairro ícone da arquitetura fascista

Construir um bairro ou uma inteira cidade do zero, com um enorme projeto arquitetônico, não é novidade para nós, afinal, temos Brasília. Aqui em Roma podemos encontrar alguns bairros que foram completamente construídos com uma finalidade, e que acabaram virando ícones de uma época e/ou de uma ideologia.

eur-roma-arquitetura-fascista

Temos bairros operários e populares: San Lorenzo que abrigava os funcionários da ferrovia estatal italiana, Garbatella e Testaccio que abrigavam os funcionários das centrais elétricas e do gás, alem do matadouro. E temos EUR, um ícone da arquitetura fascista (cujo nome oficial é racionalismo italiano) e que foi construído por vontade de Mussolini.

eur-roma-arquitetura-fascista-2

A função inicial do bairro era comemorar de modo monumental os 20 anos da tomada do poder por parte do Mussolini e da instauração do fascismo. A tomada do poder chama-se Marcia su Roma (Marcha sobre Roma) e foi uma tomada de poder violenta e armada, organizada pelo Partido Nacional Fascista, guiado pelo duce. Com isso o rei Vittorio Emanuele III abdicou do poder, deixando tudo nas mãos dos fascistas.

eur-roma-arquitetura-fascista-10
A igreja de São Pedro e Paulo.

eur-roma-arquitetura-fascista-3

O grande desejo de Mussolini era fazer da era fascista o terceiro império. Para tal Roma foi colocada de cabeça pra baixo, novas ruas e avenidas foram abertas, com novas construções monumentais evocando o antigo império romano. O fascismo tinha um calendário paralelo, como se uma nova era estivesse começando. Por exemplo: 1932 (que era do décimo ano da tomada do poder), era chamado de Ano X. Existem muitas construções em Roma sem o ano solar, mas indicando o ano da era fascista!

eur-roma-arquitetura-fascista-5

EUR é o acrônimo de Exposição Universal Romana e foi construído para hospedar a exposição universal de 1942, imitando as exposições universais de Londres e de Paris, que eram as mais famosas até então. Mas Mussolini queria que a versão romana fosse a mais imperiosa de todas, dignas, claro, de um verdadeiro novo imperador: ele mesmo! Mussolini se considerava o novo Imperador Augusto.

eur-roma-arquitetura-fascista-6
Adoro chafarizes! E o efeito com arco-íris realmente deu um charme a mais. Notem as grandes estátuas em estilo greco-romano. Sempre grandes, enormes e principalmente estátuas masculinas, porque o homem fascista tinha que ser um herói romano, como os antigos romanos.
eur-roma-arquitetura-fascista-7
Na última foto à direita, aquele pontinho de rosa é uma das mascotes do blog: minha filha linda Cecilia 🙂

O bairro EUR começou a ser construído em 1936 e deveria ter ficado pronto em 1941-1942, mas com a segunda guerra mundial, somente um dos prédios foi inteiramente completado antes desse período. O arquiteto responsável pelo projeto foi Marcello Piacentini, arquiteto e urbanista italiano que faleceu em 1960, e que ficou conhecido como “arquiteto oficial do regime fascista”. Entre outros também projetou a cidade universitária de Roma La Sapienza, onde também lecionou como professor de arquitetura e o Palácio do Anhangabaú, em São Paulo-

eur-roma-arquitetura-fascista-8

Hoje em dia o bairro é ocupado por muitos ministérios, museus (existem quatro museus: Museu Nacional da Alta Idade Média, Museu das Artes e Tradições Populares), Museu Nacional Pré-Histórico Etnográfico, Museu dos Correios), alguns dos melhores liceus da cidade, sedes de importantes empresas (como os correios) e em parte também é um bairro residencial, com um metro quadrado caríssimo.

eur-roma-arquitetura-fascista-9
Palazzo della Civiltà del Lavoro, também conhecido como Colosseo Quadrato (Coliseu Quadrado). As janelas verticais são 6, mesmo número de letras do nome de Benito. As janelas horizontais são 8, mesmo número de letras do sobrenome de Mussolini. — Um agradecimento especial à Cristina Rosa, historiadora e blogger-autora do Sol de Barcelona, que me ensinou sobre essa curiosidade quase “cabalística” —

Atualmente aguarda a abertura do público: La Nuvola di Fuksas, que será um novo centro de congressos totalmente moderno e futurístico, projeto do arquiteto Massimiliano Fuksas, e tema de muita briga, controvérsia, com a turma do contra que acha que o projeto é feio, que é um enorme gasto de dinheiro, etc.

eur-roma-arquitetura-fascista-9

Se você gosta de passeios um pouco diferentes, e quer conhecer a arquitetura moderna de Roma, esse é o lugar! O bairro também tem uma rua moderna, com algumas lojas ótimas para compras: o Viale Europa. No passado houve a proposta de fazer uma das etapas do circuito de Fórmula 1 no bairro, mas a ideia não foi aprovada.

pomod3
Em EUR (Piazzale Nervi) também encontra-se o obelisco de Arnaldo Pomodoro, um dos maiores escultores da atualidade, também autor da esfera de metal que fica em frente à sede da ONU, em Nova York. Infelizmente escolheram um lugar péssimo para posicionar essa escultura. Crédito da Foto: Digilander

Por fim: na primavera e verão o local fica cheio, porque há um lago artificial com um enorme parque e área verde (bem na saída do metrô), então é uma ótima opção de lazer com os pequenos e para fazer um piquenique.

eur-roma-arquitetura-fascista-11

Como chegar até lá: Pegue a linha B do metrô, e desça nas estações EUR Palasport ou EUR Fermi.

eur-roma-arquitetura-fascista-12

 

Mais dicas do EUR:

Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa

A Itália faz parte dos países europeus signatários do Tratado de Schengen que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Real Seguros, empresa parceira do blog. A cotação é totalmente gratuita e você pode comprar os produtos de várias seguradoras. Além de garantir o menor preço, o seu seguro pode ser parcelado em até 6 vezes sem juros no cartão de crédito. Descontos de 5% para pagamentos à vista com boleto bancário. Os seguros cobrem assistência médica e hospitalar, com possibilidade de atendimento no seu hotel, remarcação de voos, extravio de bagagens e até traslados em caso de falecimento no exterior. Não confie na sorte.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com

 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. Só em Roma, o Booking.com oferece mais de 9.000 acomodações, das quais mais de 5.000 hotéis. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Pode reservar sem compromisso (inserindo o número do cartão de crédito) e só pagar ao fazer o check-in. O cancelamento da reserva é grátuito.



Booking.com

Similar Articles

One thought on “Conheça o EUR, o bairro ícone da arquitetura fascista

Deixe uma resposta

Top
Close