You are here
Home > Vaticano > Saiba como subir na Cúpula da Basílica de São Pedro

Saiba como subir na Cúpula da Basílica de São Pedro

As minhas subidas à Cúpula da Basílica de São Pedro somam um total de quatro visitas.

De todas elas, a primeira (em 1999) foi inesquecível. Não pela beleza em si, mas por ter aceitado a proposta da minha acompanhante: fazer tudo a pé. Minha única recordação é de chegar lá em cima extremamente cansada e botando os “bofes para fora”.

vista-panoramica-da-cupula-de-sao-pedro-2
Enquanto espero na fila olho para o alto, afinal, logo estaria lá em cima, atrás das estátuas dos santos

Então, aqui vai a minha primeira dica fundamental: a diferença de custo entre a subida a pé e a subida parcialmente de elevador é de 2 euros. Custa 6 euros a primeira e 8 euros a segunda. Quanto ao tempo de espera: quem sobe a pé geralmente tem caminho livre. Mas aguardei somente 12 minutos na fila para pegar o elevador (cabem 15-20 pessoas de cada vez, dependendo do peso e tamanho dos passageiros). O tempo de espera é mínimo.

cupula da basilica de sao pedro
As estátuas vistas lá de cima

Mas vamos lá que contarei tudo tintin por tintin…

Meu plano inicial era chegar lá no Vaticano bem cedo, de preferência no horário de abertura, ou seja, às 8h. Mas foi tudo por água abaixo e acabei chegando por volta das 11:15h.

vista-panoramica-da-cupula-da-basilica-de-sao-pedro-3

As filas para passar no detector de metais não estavam enormes, talvez porque tivesse uma quantidade maior de passagens abertas. Ainda bem, porque o dia estava quente e estávamos todos debaixo de sol.

Após passar pelo detector de metais, fui direto para a fila da Cúpula. Há várias placas indicando onde ficam, mas, saiba que o guichê está em um corredor no extremo lado direito da basílica.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro
As placas indicam a direção da Cúpula, em ingresso cupola (trad.: entrada da cúpula)

Há vários avisos a respeito desse passeio. Veja as placas e leia a seguir o resumo das informações mais importantes para subir a cupula da Basilica de Sao Pedro:

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-3

Não aceitam nenhum tipo de cartão de crédito ou de débito.

Não aceitam nenhum tipo de passe ou cartão de desconto, como Roma Pass, por exemplo. Não há descontos para estudantes. Todos pagam bilhete com preço integral.

Há muitas placas avisando que esse não é um passeio aconselhado para quem é hipertenso, não está em boas condições físicas, porque mesmo fazendo a primeira parte de elevador, ainda assim há 320 degraus para subir.

Aqui coloco considerações pessoais:

Esse não é mesmo um passeio para quem tem problemas de claustrofobia.

A subida e descida são feitas em corredores apertados onde dá passar uma pessoa de cada vez, tipo em “fila indiana”. Não dá para mudar de ideia e voltar para trás, porque haverá dezenas de pessoas caminhando atrás de você.

Há pouquíssimos pontos onde poder parar e descansar, sem fazer com que a fila pare. Geralmente são alguns cantinhos mais amplos da escada, ou na proximidade de algumas janelas.

Esse também não é um passeio para crianças pequenas, não há modo de carregar uma criança no colo. Talvez um bebê em um sling, mas acredito ser desconfortável. Observei bem e as crianças mais jovens pareciam ter pelo menos 8-10 anos.

A subida até a Cúpula da Basílica de São Pedro

Ao sairmos do elevador, passamos por uma área aberta, que é o teto da basílica.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-4

Ali há uma lojinha de souvenir, banheiro e até um bar bem arrumadinho, com preços abordáveis para bebidas quentes (café, chá, cappuccino) e preços exorbitantes para bebidas frias. A dizer: 1 euro o café, mas 3 euros uma garrafinha de meio litro de chá gelado e 2,50 uma latinha de Coca Cola.

Do teto da basílica já podemos ver um pouco de Roma do alto, sabendo que o melhor ainda está por vir. A gente também pode se aproximar da parte posterior das estátuas dos apóstolos e vê-las em tamanho natural.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-5

Após subir mais alguns degraus, entramos na parte alta interna da basílica e a primeira maravilha que vemos é o lado interno da cúpula de Michelangelo. Há alguns anos colocaram essa grade de proteção, que cumpre o seu dever mas atrapalha bastante as fotos. Mas mesmo assim dá para contemplar a sua beleza e observar o interior da basílica lá embaixo.

Passado esse ponto, o que nos espera é subir, subir, subir… em direção à cupula da Basilica de Sao Pedro.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-6
Vendo a basílica lá embaixo através das grades

Alguns portais são praticamente da altura da nossa cabeça!

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-7

Os corredores ficam cada vez mais estreitos e curvos, claro! Em alguns pontos nos apoiamos às paredes porque caminhamos torto. E se observamos o chão, os degraus são mais gastos do lado em que a gente se apoia ao muro.

Alguns trechos são um pouco mais confortáveis para subir, porque construíram uma escada metálica mais moderna. Somente nesse trecho a subida é um pouco menos claustrofóbica.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-9

Mais assim que superamos essa escadaria de metal, nos preparamos para o último trecho que é mais íngrime e com corredores realmente apertados.

Com muita gente, como no dia em que fui, só escutamos barulhos de passos na subida frenética aos degraus. Todos subindo sem parar.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-12

Até que depois da última escada em caracol, bem estreira e sem corrimão, exceto uma corda bem sebosa… (me deu nojinho depois que a toquei, risos!), a gente realmente respira fundo… e tcharam… a vista mais panorâmica de Roma (deixando a multidão de lado, claro!)

Você não será o único a querer tirar uma foto e vai precisar de paciência para poder se aproximar das grades e fazer suas fotos.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-13

Eu acredito que essa subida deve ser fantástica assim que abre (às 8h da manhã), porque tem menos gente.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-14
Dá pra ver o pátios dos Museus Vaticanos conhecidos como Cortile della Pigna

Dá para reconhecer vários lugares de Roma, e até a parte de cima do Coliseu.

cupula-basilica-de-sao-pedro-17

Roma é mesmo uma cidade super cenográfica do alto e, apesar do esforço, esse é um passeio que vale a pena… se o seu preparo físico assim o permitir.

Subida à cúpula da Basílica de São Pedro

Como já sabemos, subida à cupula da Basilica de Sao Pedro não é a coisa mais fácil do mundo, mas aqui vão algumas informações práticas:

Exclusivamente de escada: 6 euros (551 degraus)

Elevador + escada (320 degraus): 8 euros (altamente aconselhável)

Dias e horários:

Site: http://www.vatican.va/various/basiliche/san_pietro/it/cupola/orari.htm

Horário de inverno (1 de outubro a 31 de março): 8 às 17.

Uma observação a considerar: em Dezembro escurece logo depois 16:30. Nos meses de Novembro, Dezembro e Janeiro faça de modo a estar lá em cima no máximo às 16h, para ainda ter 30-40 min para ver Roma ainda com a luz do dia.

Horário de verão (1 de abril a 30 de setembro): 8 às 18.

cupula-da-basilica-de-sao-pedro-18



Veja a seguir serviços essenciais para a sua viagem


  • Seguro Viagem obrigatório para Itália e Europa em geral
A Itália faz parte dos países europeus que exigem seguro de viagem com apólice mínima de € 30.000. Faça o seu com a Real Seguros. FAÇA COTAÇÃO AGORA E GANHE 10% DE DESCONTO
  • Procurando hospedagem em hotel ou apartamento?
Reserve hotéis e apartamentos em qualquer cidade do mundo. Site em português e cotação em Reais. BUSCAR HOTEL
  • Ingressos Fura-Fila para o Coliseu
Se você não quiser perder preciosas horas da sua viagem em filas, reserve aqui o bilhete para o Coliseu, Fórum Romano e Palatino. COMPRAR INGRESSO COLISEU
  • Evite as filas quilométricas dos Museus do Vaticano
Quer evitar filas que dobram o quarteirão? Então a melhor coisa a fazer para ver a Capela Sistina, é comprar seu ingresso antecipado. COMPRAR INGRESSO VATICANO

Similar Articles

37 thoughts on “Saiba como subir na Cúpula da Basílica de São Pedro

  1. Local imperdível, observadas as questões ligadas ao esforço, mas EVITEM o restaurante que funciona lá. Atendimento horrível, comida seca e cara!!

  2. É possível subir só a primeira parte? A que se sobe de elevador? Sou claustrofóbica mas gostaria de subir pelo menos até o teto.

  3. Você descreveu exatamente a experiência maravilhosa e difícil para chegar ao topo da cúpula.A recompensa é impagável!Subi sem nem pensar e me deparei boquiaberta com tamanha beleza dos afrescos de Michelangelo. Ainda pude presenciar uma missa lá de cima com a presença somente de bispos, freiras e padres
    dentro da igreja,numa acústica celestial.Me senti no céu.Parabéns pela suas narrativas!Você me fez reviver momentos mágicos.

      1. Oi, 15 minutos para subir os 320 degraus? Se for isso mesmo, estarei lá breve, rsrs sou um pouco claustrofobica. Estou receosa de não dar conta .

  4. Você sabe me dizer se tem como de dentro do Museu Vaticano já sair na Basílica para fazer a subida da cúpula ou se precisa sair do museu, caminhar, passar no detector de metal e aí entrar?

    1. Tem que sair sair do museu, caminhar, passar no detector de metal e aí entrar.
      Geralmente só quem compra o passeio guiado (no site do próprio Vaticano) tem prioridade e passa por uma portinha, praticamente secreta no fundo da Capela Sistina, e assim não precisa passar na fila.
      Se você ver algum grupo passando, pergunte ao guarda se pode passar também. As vezes deixam, às vezes não.
      Luciana

  5. Excelente artigo!Dessa vez vou subir com certeza,mas estarei com minha mãe q não tem condição para tanto … Gostaria de saber se ela pode subir pelo elevador e esperar q eu retorne da subida no pátio das estátuas ou na cafeteria que tem lá em cima? ?

    1. Pode sim.
      Inclusive sua mãe pode ver a parte de dentro da cúpula (porque são menos de 20 degraus para ver a parte de dentro/interior da basílica).
      Depois ela pode descer e esperar na cafeteria.
      Um abraço,
      Luciana

  6. Adorei o post! Muito obrigada por dividir suas impressões e fotos de viagem conosco!
    Eu agradeço especialmente porque por mais que deseje esse é um passeio que não farei, pois tenho problemas de joelho que não me permitiriam completar o percurso de escadas, então é muito bom poder, por este post, apreciar a beleza do passeio e da cidade lá do alto.

    1. Obrigada, Simone. Também tive problemas no joelho e esperei muito para poder voltar e fazer esse post! Não senti dores antes nem depois, mas, tive que realmente esperar estar bem. Obrigada pelo comentário. Bjs

  7. Que vista fabulosa se deve ter do topo dessa cúpula! Quando estive no Vaticano comecei pela basílica e acabei por passar quase todo o dia a percorrer as galerias do museu. Esta subida terá de ficar para uma p´roxima visita. Obrigado pelas dicas 😉

  8. Quando fui a Roma, fugi da cúpula pelas longas filas, não tive paciência! ;P mas valeu a pena conhecer agora a panorâmica através das tuas fotos. Obrigado pelo “tour”!

    1. Sim, a fila é comprida mas é rápida. E acredito que quem chega cedo (eu não consegui!), na verdade espera bem pouco.
      Abs,
      Luciana

  9. Este é daqueles relatos que ficamos cansados só de ler 🙂 mas para mim deu-me uma vontade enorme de voltar, a subida é dura mas vale cada passo. Maravilhosa Itália do meu coração, que saudades. Beijinhos

    1. Verdade, Sónia. Mas apesar de tantas “passagens”, a vista é linda demais. Beijinhos para ti também e obrigada por comentar.

  10. Olá, excelentes dicas vou aproveitá-las decerto aquando da nossa primeira viagem à Itália que esperamos seja breve, muito boas fotos também. Obrigado pela sugestão.

    1. Obrigada, Francisco. Não sou uma boa fotógrafa, mas venho tentando melhorar. Afinal, as fotos contam as viagens e complementam as nossas palavras. Obrigada por comentar 🙂

  11. Rázô colega! Só visitei o Vaticano duas vezes, e na primeira que estava com tempo nem pensei em subir. Na segunda fui na corrida. Vou ter que retornar. E vou querer a sua cia. 😉 Beijokas =)

  12. Vou me preparar fisicamente!!! Ufa, cansei só de ler o relato, mas no inverno deve está mais vazio né? Vou visitar Roma em janeiro! Abs.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top