You are here
Home > Bairros e Áreas de Roma > Conhecer o interior do Vittoriano: o Túmulo do Militar Desconhecido e o Memorial das Bandeiras

Conhecer o interior do Vittoriano: o Túmulo do Militar Desconhecido e o Memorial das Bandeiras

O Vittoriano ou Altar da Pátria é um daqueles monumentos que não passam despercebidos. Ele pode ser avistado de inúmeros lugares e mirantes em Roma. Até porque a enorme estrutura em mármore branco se destaca do resto da paisagem.

Também é possível subir no teto, onde há um dos terraços panorâmicos mais bonitos de Roma, e de lá ter um bela vista 360° graus de Roma, dos seus tetos e, principalmente, de toda a área arqueológica dos fóruns imperiais.


Mas o que pode ser visto dentro do Vittoriano?

Visitamos o museu chamado Sacrario delle Bandiere (Memorial das Bandeiras ou Santuário das Bandeiras) e ele é dividido em duas partes: uma dedicada às “forças armadas terrestres”: Polizia, Carabinieri, Guardia di Finanza, Exército Italiano, Exércitos Voluntários, Exército Garibaldino, etc. e uma outra parte dedicada à Aeronáutica e à Marinha.

Para visitar a primeira parte, a entrada é pela Via di San Pietro in Carcere (do lado que dá para a escadaria do Campidoglio); e para visitar a parte dedicada à Aeronáutica e à Marinha, a entrada encontra-se na Via dei Fori Imperiali. Os museus dentro do Vittoriano são grátis.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_12
Camisa vermelha, o símbolo principal do Exército Garibaldino.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_13


O que há no acervo do museu?


O Túmulo do Militar Desconhecido (Il Milite Ignoto)

O túmulo do Militar Desconhecido representa todos os militares mortos na primeira guerra mundial e cujos corpos não puderam ser reconhecidos. Em 1921 a mãe de um soldado não identificado foi convidada a escolher um cadáver, para que representasse simbolicamente os jovens mortos na primeira guerra. Devido à forte emoção, a senhora ajoelhou-se chorando diante de um caixão e aquele, dentre os onze cadáveres ali presentes, foi o escolhido para representar os mortos da guerra.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_7

O corpo foi trazido de trem de Aquileia, cidade que fica na província de Udine, até Roma. E por todas as estações onde passou, a população correu para saudar simbolicamente o militar desconhecido. Segundo fontes históricas, o número de corpos não identificados na primeira guerra mundial, e que foram enterrados em fossas comuns foi enorme.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_9

No dia 4 de Novembro de 1921, foi feita uma celebração solene. O túmulo foi colocado dentro do Vittoriano e nele, além da inscrição Milite Ignoto, também encontram-se gravados os anos do início e fim da primeira guerra mundial: 1914 e 1918.


O Memorial das Bandeiras e os Uniformes Militares

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_10

O acervo do museu tem como pano de fundo também as histórias das guerras nas quais a Itália participou, desde as duas grandes guerras e também as guerras colonialistas, durante a tentativa italiana falida de possuir colônias na África. E nelas a presença e evolução do Tricolore, como é chamada a bandeira tricolor italiana.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_5

É particularmente interessante ver como o uniforme do exército europeu adaptou-se ao continente africano: uso de escudos de couro, espadas e punhais africanos e mantas feitas com tecidos africanos muito coloridos.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_4

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_3
Uniforme de soldado africano que alistou-se no Exército Italiano.

Mas além das bandeiras e uniformes, também encontramos alguns objetos interessantes, como o gramofome com as músicas de propaganda, feitas especialmente para animar os soldados no front de batalha.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_6

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_14
Sempre achei que mensagens enviadas por pombo-correio fosse coisa do cinema, mas, aqui, vemos os “Colombrigrammi” (mensagens enviadas pelos pombo-correios) durante a guerra de 1915-1918 entre a Itália e a Austria.

A mostra se encerra de maneira “politicamente correta”, exibindo a atuação do exército italiano hoje em dia, em ações de guerra, mas também de paz. A grande verdade é que as ações de paz acontecem em territórios de guerra, então há muito o que refletir sobre o conceito de paz. Todas as estátuas com os uniformes são em tamanho natural e, em alguns casos, tem até uma placa com o nome do militar que vestiu aquele uniforme.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_15

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_16

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_17

O museu é gratuito e além do acervo é uma chance para ver o Vittoriano por dentro, com suas estátuas altivas e o belíssimo chão de mármore.

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma

conhecer-o-altar-da-patria-em-roma_2


Museo Sacrario delle Bandiere

Abre de 3af a domingo das 9:30 às 15h. O museu fecha todas as segundas-feiras, nos feriados nacionais e também no dia 4 de Novembro, que é o dia das Forças Armadas.


Leia mais sobre o Vittoriano


Veja a seguir serviços essenciais para a sua viagem


  • Seguro Viagem obrigatório para Itália e Europa em geral
A Itália faz parte dos países europeus que exigem seguro de viagem com apólice mínima de € 30.000. Faça o seu com a Real Seguros. FAÇA COTAÇÃO AGORA E GANHE 10% DE DESCONTO
  • Procurando hospedagem em hotel ou apartamento?
Reserve hotéis e apartamentos em qualquer cidade do mundo. Site em português e cotação em Reais. BUSCAR HOTEL
  • Ingressos Fura-Fila para o Coliseu
Se você não quiser perder preciosas horas da sua viagem em filas, reserve aqui o bilhete para o Coliseu, Fórum Romano e Palatino. COMPRAR INGRESSO COLISEU
  • Evite as filas quilométricas dos Museus do Vaticano
Quer evitar filas que dobram o quarteirão? Então a melhor coisa a fazer para ver a Capela Sistina, é comprar seu ingresso antecipado. COMPRAR INGRESSO VATICANO

Similar Articles

2 thoughts on “Conhecer o interior do Vittoriano: o Túmulo do Militar Desconhecido e o Memorial das Bandeiras

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top