Início Atrações As Fontes Mais Famosas e Monumentais de Roma

As Fontes Mais Famosas e Monumentais de Roma

Publicado em:

Roma é um verdadeiro parque de diversões para aficionados por arte, arquitetura e história.

Cada pedacinho da capital italiana remete a um momento histórico marcante que reflete diretamente em suas construções majestosas, incluindo as fontes da cidade.

As fontes de Roma são muitas e de todos os tipos: pequenas, grandes, novas, antigas e algumas alimentadas por aquedutos dos tempos do Império Romano.

Leia mais:

A grande maioria das fontes de Roma é de tirar o fôlego de tão bonitas e imponentes. Não é à toa que assim como os outros atrativos de Roma, as fontes também atraiam viajantes do mundo todo.

Por este motivo, caso você curta mergulhar na história dos destinos que costuma visitar, não deixe de colocar a capital italiana e suas fontes em roteiro de viagem! E para facilitar, preparamos uma seleção com algumas das fontes mais famosas de Roma. Vamos nessa?

Não perca seu precioso tempo em filas enormes!

Ingresso fura-filas para o Coliseu

Ingresso fura-filas para a Capela Sistina

Fontana di Trevi

Grandiosa e detentora de uma beleza capaz de tirar o fôlego de todo e qualquer aficionado por arte, a Fontana di Trevi é a fonte mais famosa da Itália e a mais bonita de Roma. Ela possui 20 metros de largura por 26 metros de altura.

Localizada no centro de Roma, rente à fachada do Palazzo Poli,o monumento é um dos atrativos mais visitados da capital italiana, atraindo todos os anos milhares de turistas vindos do mundo todo.

Muitos a procuram a fim de concretizar uma famosa tradição: jogar ali uma moda para que o desejo de retornar à cidade se realize.

A prática nasceu a partir do filme “A Fonte dos Desejos”, de 1954, e de sua célebre citação: “se você jogar uma moeda: voltará a Roma; se jogar duas moedas: encontrarás o amor com uma bela italiana (ou italiano); se jogar três moedas: irá se casar com a pessoa que conheceu”.

O filme em inglês se chama Three coins in the fountain

De acordo com a tradição, o desejo só é realizado caso a moeda seja jogada com a mão direita sobre o ombro esquerdo. Um dado curioso sobre esse costume é o de que a cada ano são retirados aproximadamente 1,5 milhões de euros da atração.

++ Leia Mais | Fontana di Trevi: a mais majestosa e famosa fonte de Roma

Fontana dell’Acqua Paola ou “Er Fontanone”

Com uma vista extraordinária, a Fontana dell’Acqua Paola é um dos locais mais românticos e pitorescos deRoma. Considerada como fonte de inspiração para a Fontana di Trevi, a Er Fontanone, como também é conhecida, foi a primeira grande fonte construída na margem esquerda do Rio Tibre.

A fonte domina essa praça do Gianicolo, de onde se tem uma vista panorâmica lindíssima de Roma. | Crédito: Shutterstock

Localizada no Gianicolo, próximo a Igreja San Pietro in Montorio, foi construída no ano a mando do Papa Paulo V, cuja intenção era a de trazer água potável para os moradores da região  que até então eram forçados a obter água de fontes salobras ou diretamente do Tibre.

Todos os materiais de construção foram retirados de construções antigas, como era costume na época. 

Arquitetonicamente, a Fontana dell’Acqua Paola se assemelha aos arcos triunfais romanos. Possui cinco arcos separados por gigantescas colunas de mármore e três nichos centrais com cascatas. Inicialmente, havia cinco bacias hidrográficas, uma para cada um dos cinco arcos.

A fonte vista em detalhes. A bacia é simplesmente divina. Crédito: Shutterstock

Entretanto, no ano de 1690, Carlo Fontana criou a grande bacia semicircular, a qual espelha a forma do extenso terraço de observação.

++ Passeio Guiado pelas Fontes de Roma: Contrate uma guia brasileira em Roma

Fontana do Moisés

A Fontana de Moisés ou Fontana dell’Acqua Felice, é mais uma das fontes mais visitadas de Roma. Localizada perto da Igreja de Santa Maria della Vittoria, a fonte foi construída a mando do Papa Sisto V entre os anos de 1585 e 1588, para marcar o fim do aqueduto romano Acqua Felice.

A Fontana del Mosè fica ao lado da famosa Igreja de Santa Maria della Vittoria. | Crédito: Shutterstock

Nesta época, apenas um dos muitos aquedutos romanos estava funcionando e recebendo as devidas manutenções, o que dificultava e muito a vida dos moradores.

Foi então que  em 1585, início do pontificado do Papa Sisto V, o pontífice se comprometeu a restaurar os demais aquedutos, incluindo o Acqua Alessandrina, rebatizado de Acqua Felice porque seu nome de batismo era Felice (ou Félix)

A Fonte de Moisés foi a primeira fonte monumental neste estilo desde a antiguidade.

++ Leia Mais | Desvendado os arredores do Quirinale

Fontana dei Quattro Fiumi (Fonte dos Quatro Rios)

Projetada no século XVII pelo artista barroco Gian Lorenzo Bernini, a Fontana dei Quattro Fiumi foi idealizada para simbolizar quatro grandes rios dos quatro continentes nos quais a influência do Papa alcançava: o Rio Danúbio na Europa; o Ganges na Ásia; o Rio da Prata na América; e o Rio Nilo na África.

A obra foi encomendada pelo Papa Inocêncio X para deixar a região da Piazza Navona, onde o pontífice residia, ainda mais bela.

Atualmente, o local onde a Fontana dei Quattro Fiumi foi construída é de propriedade do Governo Brasileiro, comprada entre os governos de João Goulart e Juscelino Kubistchek. Está totalmente restaurado e é onde funciona o Consulado e Embaixada Brasileira.

Fontana del Tritone

Embora não seja tão luxuosa como a Fontana di Trevi, por exemplo, a Fontana del Tritone ou Fonte do Tritão é igualmente bela e interessante, portanto, merece a visita.

A obra é mais uma criação do gênio Gian Lorenzo Bernini e foi construída no ano de 1643 a mando do Papa Urbano VIII Barberini para embelezar a Praça Barberini e o Palácio Barberini, de propriedade da família do Papa.

A Fontana del Tritone foi uma das primeiras fontes projetadas por Bernini e é considerada como sendo uma de suas obras primas. A obra se trata de um Tritão com busto de homem, braços fortes, abdômen esculpido e calda de peixe de cabeça para trás bebendo a água de uma concha.

É a partir dessa concha que sai a água da Fontana. De acordo com a mitologia grega, Tritão era um dos filhos do Deus Netuno/Poseidon.

++ Leia Mais | Pantheon de Roma: história, arquitetura e curiosidades

Fontana della Barcaccia

Localizada na Piazza di Spagna, logo abaixo da Escadaria Espanhola, a Fontana della Barcaccia é um monumento projetado pelo arquiteto Pietro Bernini junto com seu filho Gian Lorenzo Bernini. A fonte foi finalizada no ano de 1627.

O nome dado a obra faz alusão ao seu formato de barco semiafundado. Este formato, por sua vez, foi escolhido pelo fato de que antes da construção dos muros nas margens do Rio Tibre, havia recorrentes enchentes e, no ano de 1598, houve uma especialmente catastrófica.

A Piazza di Spagna ficou inundada e quando a enchente cedeu, um barco ficou encalhado na praça. A partir dessa história curiosa do barco encalhado na praça, os artista construíram a fonte no mesmo local do acontecimento.

++ Leia Mais | Piazza di Spagna: entre luxo, beleza e a arte de Bernini

Fontana dei Leoni (Fonte dos Leões)

A Fontana Dei Leoni ou Fonte dos Leões é uma obra prima. Localizada no centro da Piazza del Popolo, em torno do obelisco, a fonte é composta por quatro leões egípcios feitos de mármore branco, que “descansam” em cima de troncos de pedra piramidais escalonados.

Cada leão tem sua própria bacia onde a água jorra para fora pela boca dos animais. Ela foi construída em 1818, como forma de celebração por mais aquedutos estarem sendo restaurados.

Fontana delle Naiadi

A Fontana delle Naiadi é considerada a fonte monumental mais moderna de Roma. A obra, construída com a finalidade de fornecer uma perspectiva monumental da elegante Via Nazionale, construída no ano de 1888.

É composta por quatro grupos de bronze que representam a Ninfa dos Rios, a Ninfa dos Lagos, a Ninfa dos Oceanos e a Ninfa das Águas Subterrâneas e uma das fontes mais visitadas da capital italiana.

Le Quattro Fontane (As Quatro Fontes)

Le 4 Fontane ou as 4 Fontes estão localizadas em uma esquina e inclusive dão nome à rua na qual se localizam: a Via delle Quattro Fontane.

Uma das quatro fontes do cruzamento, a deusa Hera. | Crédito: Shutterstock

As fontes também batizaram a igreja que fica quase de frente para elas: a Igreja de San Carlo alle Quattro Fontane, considerada uma das obras-primas do barroco italiano e projetada por Borromini, o “eterno rival” de Bernini.

As quatro esculturas são do séc XVI e seu autor é desconhecido. Elas foram construídas porque era necessário trazer água de um dos aquedutos romanos para abastecer a população dos bairros Quirinale e Viminale. Por que não aproveitar a ocasião e construir uma fonte ornamental?

Cada fonte representa uma divindade: Diana, Juno e os rios mitológicos Tibre e Arno.

++ Leia Mais | As 4 Fontes Renascentistas da Via delle Quattro Fontane

As Fontes “Gêmeas” da Praça São Pedro

Quem visita a majestosa Praça São Pedro, no Vaticano, se depara com duas fontes quase idênticas, cada um em um dos emiciclos da praça.

A fonte à direita já existia pelo menos no ano 1490, ou seja, ela estava ali quando ainda existia a antiga basílica de São Pedro. Passou por algumas reformas e inclusive foi aumentada a vazão do seu jato de água graças à reconstrução dos antigos aquedutos romanos.

Já no século XVII, quando Bernini começou a construir a atual Praça São Pedro, notou que uma fonte só não fazia jus ao tamanho e monumentalidade da praça, então foi projetada a fonte que atualmente está no lado esquerdo da praça.

A realização material foi feita pelo (também) famoso arquiteto Carlo Fontana, o qual, todavia, sempre atribuiu a paternidade do projeto ao Bernini.

A inauguração da nova fonte e reposicionamento da antiga aconteceram em 1677.

E então? Curtiu saber quais são as fontes mais bonitas de Roma?

Mais dicas de Roma para a sua viagem:

Veja a seguir serviços essenciais para a sua viagem

  • Seguro Viagem obrigatório para Itália e Europa em geral
A Itália faz parte dos países europeus que exige seguro de viagem com apólice mínima de € 30.000. Faça o seu Real Seguros.
  • Procurando hospedagem em hotel ou apartamento?
Reserve hotéis e apartamentos em qualquer cidade do mundo. Site em português e cotação em reais.
  • Aluguel de carro 
Vai viajar pela Itália, de norte a sul ou pelas colinas da Toscana? A melhor opção de viagem é alugar um carro.  
Luciana Rodrigues
Guia brasileira em Roma e Vaticano. Moradora de Roma há mais de 21 anos. Idealizadora e produtora de conteúdo do Roma Pra Você, para quem quer organizar a sua viagem a Roma em plena autonomia. Seja bem-vindo(a) e prazer em conhecê-lo(a)!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Dicas Mais Procuradas

- Advertisement -