You are here
Home > posts em destaque > Viajar de trem entre Roma, Nápoles, Florença, Bolonha, Veneza, Gênova e Milão

Viajar de trem entre Roma, Nápoles, Florença, Bolonha, Veneza, Gênova e Milão

Muitas pessoas nos perguntam como é viajar de trem pela Itália, principalmente entre as principais cidades turísticas italianas. Muitos também nos perguntam se é possível viajar com facilidade.

Então resolvemos fazer um post com tudo explicadinho, para que vocês saibam o tempo de viagem, qual trem pegar e mais ou menos quanto vão gastar. Viajar de trem pela Itália é prático, fácil e rápido na maioria das vezes, ou pelo menos no que chamamos “eixos principais”, aqueles que ligam uma grande cidade a outra grande cidade. Esse será o seu caso na maioria das vezes!

Escolhemos Roma como ponto de partida. Mas saiba que é possível viajar bem e rapidamente entre todos os trechos citados.

Os preços e horários foram selecionados no site da empresa Trenitalia, porque ela sempre sai/chega das estações principais. Com a empresa Italotreno nem sempre é assim. Alguns trens da Italotreno podem sair de estações secundárias como Roma-Tiburtina ou Roma-Ostiense, o que lhe obrigará a fazer uma baldeação com o metrô e a arrastar sua mala pra lá e pra cá. Acho péssimo esse deslocamento quando estamos com muita bagagem!

“Começando do começo”: dar uma olhada em uma mapa

viajar-de-trem-pela-italia

Colocamos aqui um mapa para você começar a ter uma ideia das distâncias.

Roma – Nápoles

Embarque em Roma Termini e desembarque em Napoli Centrale. Sem paradas intermediárias.

1:10h viajando com trem super rápido (Frecciarossa) – Preço: a partir de 19 euros.

2:03h viajando com trem Intercity – Preço: a partir de 9 euros (para esse trem mais barato a venda dos bilhetes é disponibilizada somente 7 dias antes da data de embarque)

Florença e Bolonha: estações intermediárias antes de Veneza (direção Nordeste) e Milão (direção Noroeste)

Os trens que saem de Roma em direção ao Norte param sucessivamente em Florença e Bolonha. Todos os trens param nas estações centrais: Firenze Santa Maria Novella e Bologna Centrale.

Uma informação sobre os preços: todas as simulações para os trens super rápidos foram feitas com 60 dias de antecedência. Os mesmos bilhetes que custam 19 euros passam a custar, por exemplo, 40 euros para uma viagem comprada com cerca de uma semana de antecedência.

Roma – Florença

Embarque em Roma Termini e desembarque em Firenze Santa Maria Novella. Sem paradas intermediárias.

Tempo de viagem: 1:32h viajando com trens super rápidos (Frecciargento e Frecciarossa) – Preço: a partir de 19 euros.

Roma – Bolonha

Embarque em Roma Termini e desembarque em Bologna Centrale. Com uma parada intermediária em Florença. Geralmente o trem para por uns 10 minutos, somente o tempo para o embarque e desembarque de passageiros.

Tempo de viagem: 2:15h (trem super rápido Frecciargento/Frecciarossa), com alguns poucos trens que fazem o percurso em 1h57 (trem super rápido Frecciargento/Frecciarossa). Normalmente são trens que saem de Roma cedo e chegam em Bolonha em tempo para ir pro escritório ou a alguma reunião de trabalho muito cedo.

Preço:  a partir de 19 euros.

Roma – Veneza

Embarque em Roma Termini e desembarque em Venezia Santa Lucia. Com duas paradas intermediárias em Florença e Bolonha. Geralmente o trem para por uns 10, somente o tempo para o embarque e desembarque de passageiros.

Tempo de viagem: 3:45h com trem super rápido (Frecciargento e Frecciarossa) – Preço: a partir de 39 euros.

Roma – Milão

Embarque em Roma Termini e desembarque em Milano Centrale. Com duas paradas intermediárias em Florença e Bolonha. Geralmente o trem para por uns 10 minutos, somente o tempo para o embarque e desembarque de passageiros.

Tempo de viagem: geralmente 2:49h (Frecciarossa) e 3:20h (Frecciargento) – Preço: a partir de 39 euros.

Uma informação importante: Milão é um ponto de partida estratégico para quem vai viajar de trem pela Europa, porque dali partem trens para a Suíça e França, tanto diurnos como noturnos.

Roma – Gênova e depois Cinque Terre

Genova é a capital da Liguria, estado onde está localizada Cinque Terre. Os trens levam de 3h54 a 5h05 e são todos Frecciabianca (os mais lentinhos dos trens super rápidos). Bilhetes a partir de 29 euros. Não há paradas intermediárias entre Roma e Gênova e os horários são menos frequentes do que o ramal ferroviário que liga Roma a Florença, Bolonha, Milão e Veneza. Uma opção interessante pode ser chegar a Cinque Terre saindo de Pisa.

Para garantir preços mais baratos:

Reserve sempre com a máxima antecedência;

Reserve sempre fora dos dias e horários de rush. Se for viajar sexta-feira, às 17h, seu bilhete será em horário de rush. Muitos italianos se locomovem nos finais de semana, não só para motivo de passeio, mas porque muitos vivem, trabalham e estudam em cidades diferentes.

Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa

A Itália faz parte dos países europeus signatários do Tratado de Schengen que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Real Seguros, empresa parceira do blog. A cotação é totalmente gratuita e você pode comprar os produtos de várias seguradoras. Além de garantir o menor preço, o seu seguro pode ser parcelado em até 6 vezes sem juros no cartão de crédito. Descontos de 5% para pagamentos à vista com boleto bancário. Os seguros cobrem assistência médica e hospitalar, com possibilidade de atendimento no seu hotel, remarcação de voos, extravio de bagagens e até traslados em caso de falecimento no exterior. Não confie na sorte.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com

 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. Só em Roma, o Booking.com oferece mais de 9.000 acomodações, das quais mais de 5.000 hotéis. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Pode reservar sem compromisso (inserindo o número do cartão de crédito) e só pagar ao fazer o check-in. O cancelamento da reserva é grátuito.



Booking.com

Similar Articles

83 thoughts on “Viajar de trem entre Roma, Nápoles, Florença, Bolonha, Veneza, Gênova e Milão

  1. Olá, gostaria de saber a opinião de vocês com relação aos trens para a Sicília. Estamos planejando uma viagem e pensamos em ir de avião a partir de Roma e retornar de trem. Estamos com bastante tempo para a viagem. Sabemos que o trem é bastante demorado e que no sul da Itália as coisas não funcionam muito bem, mas gostaríamos de viver essa experiência. Que dicas vocês tem para nos dar?
    Obrigada
    Loanda

    1. Loanda, eu aconselharia esse blog aqui: http://descobrindoasicilia.com/ que é especializado na Sicilia, inclusive com dicas de transporte. Acho mesmo a viagem longa e cansativa, mas se vocês tem bastante tempo, que tal, por exemplo, não parar em 1 cidade na volta para quebrar o tempo de viagem? Se eu puder dar alguma info, é só perguntar. Um abraço, Luciana

      1. Obrigada Luciana, vou seguir sua indicação e dicas.
        Aproveito para dizer que ficaremos em Roma por 20 dias e estamos “devorando” suas dicas da cidade. Já conhecemos os lugares mais turísticos e agora vamos nos aventurar por outros bairros. Adoramos o blog de vocês. Obrigada por compartilharem tantas informações preciosas.
        um abraço

  2. Olá, estou indo para roma e gostaria de incluir assis, veneza e milão… posso pegar um trem de roma para assis…de assis para veneza e veneza para milao? Obrigada

  3. Parabéns pelo site e por este post quer ajudará muita gente, Luciana.
    Apesar de não haver Frecciarossa, sugiro incluir Roma-Assis, pois existe grande dúvida por parte dos turistas que ficam baseados em Roma, sobre a possibilidade de passar um dia em Assis. Fiz a experiência e posso garantir que é possível sair de Roma de manhã, passar o dia em Assis e retornar no início da noite.

    Marcos Melo

  4. Oi Luciana! Parabéns pelo site. Adoro as dicas.
    Preciso de uma ajuda.. Comprei uma passagem de Florença para Veneza mas gostaria de mudar o horário mais não consigo mudar pelo site de trenitalia. Será que direto na estação eu consigo fazer essa mudança? Ou devo comprar outra passagem?

  5. Oi Luciana, tudo bem? Parabéns pelo blog e pelas informações bastante úteis. Fiquei em dúvida sobre as viagens de trem. É possível visitar outras cidades apenas fazendo o bate-volta de Roma? Vou ficar por 7 dias, com chegada-saída de Roma e planejo visitar também Milão, Veneza, Florença e uma fugida à Toscana.
    Abraço.

  6. Luciana , parabéns pelo blog…poderia me ajudar, queria montar um roteiro de trem saindo de Roma passando por firense, pisa, Veneza, Gênova e Milão…sendo q pretendo pegar um vôo e ir a Portugal gostaria de uma ordem, quais cidades visitar primeiro e a sequência.tenho 10 dias pela Itália que já conheço algumas cidades…obrigada…viajo em 04 de agosto 2015.

  7. Luciana, parabéns pelo Blog. Auxiliando muito na preparação da minha viagem. Sobre o trecho roma-firenze, fiz a pesquisa e achei a tarifa a 19 euros pra data que quero.

    Todavia achei por 20 euros saindo de Roma ostiense, com uma baldeação em tiburtina e depois 1h30 até firenze. A estação fica a 5 minutos de onde me hospedarei. Contando que terei que me deslocar até termini, Você acha que compensa sair de ostiense ou é melhor pegar logo em Termini mesmo?

  8. Primeiramente queria agradecer pelas preciosas informações e dicas de seu blog com as quais consegui me sair muito bem na Italia (Veneza, Florença, Roma, Napoles/Pompeia), tudo de trem. Muito fácil, muito prático. Como ficamos hospedados próximo à Terminin não tivemos nenhum problema com locamoção. Viagem maravilhosa, que merece biz! Bjs

  9. Luciana, já rodei bastante pelo blog e está muito bom.
    Gostaria de saber como planejar. Quero visitar as cinque terre. Estarei em Roma, depois vou para Florença e daí para cinque terre ou de Roma para Cinque terre e de lá para Florença. Sendo que de Florença irei para Veneza. Tudo de trem. Vc poderia me aconselhar a melhor rota?
    Grato

  10. O Hotel Domus Aurea, onte, 3a feira, esteve sem energia, mais ou menos das 15 as 21 horas.
    Eu e meu filho, chegamos na 2a feira, quase às 23 horas pelo atraso fa Rayanair e o trânsito caótico até a Termini. O homem da portaria, sequer nos ddeu ” boa noite”, um grosseirao, qur não deveria estar na recepção. Ainda estou no hotel. Por favor, não recomendem o Hotel Domus Aurea, ninguém merece, numa região tão cara, ter uma decepcao como a que tivemos. Esta é nossa 3a viagem a Roma.Só nos hospedamos aqui pela necessidade de 2 camas, mãe e filho.Com o verão, os hotéis lotam e as reservas ficam mais difíceis.
    Agradeço qualquer alerta, para que outros não tenham a mesma decepção.
    Boa sorte para o blog , que só agora conheci e recomendarei à amigos.
    Wanda. ( aposento 303).

  11. Vc pode me informar qual a melhor opção de trem de Bologna para Rovigo e posteriormente de Rovigo para Veneza, nesse caso teria que ser pela Italotreno? Obrigado.

  12. Gostaria de saber onde comprar aqui no Brasil 3 passagens de trem p Florença ida e volta, para o mesmo dia irei a partir de 22/12/16.Estou em SP

  13. estou escolhendo entre os hotéis King e Caravaggio….qual vc recomenda p família de 3 pessoas???Já fui no King há 3 anos e gostei…….quero saber s o Caravaggio obrigada

  14. oi tô amando suas dicas vou para italia agora em setembro, para fazer a costa amalfitana, mais agora com tantas dicas estou pensando em ficar uns dois dias em roma , e queria fazer um bate volta em veneza, oque vc acha? dar pra fazer, e como eu vou para napoles depois seria mais barato eu ir de trem de veneza direto para nápoles? voce sabe quanto custa?obrigada, beijo.

    1. Tayra, Considere que são 3 horas e 45 min de trem para ir e mais 3 horas e 45 min de trem para voltar.
      Eu acho que não vale mesmo a pena.
      Preços de bilhetes variam de acordo com o período do ano, antecedência da compra, etc. Consulte sempre os sites da Trenitalia e Italo, mas acredito que saia por pelo menos 40-45 euros.
      Abs,
      Luciana

  15. Olá Luciana, comprei passagens pela Trenitalia, estou com elas impressas, vou ter que trocar por outro bilhete na estação antes do embarque, ou não precisa? Posso entrar no trem com o que recebi por e-mail?
    Obrigado. Abs.

    1. Sim, você mostra o e-mail impresso com o código de reserva ao fiscal 🙂
      O importante é ter o código de reserva.
      Boa viagem,
      Luciana

  16. Vou estar em itália de 18 a 23 de julho,ficando sediado em Bolonha.Gostaria de visitar:Florença,Veneza,Roma e Génova, utilizando como meio de transporte o combóio. Qual o vosso conselho
    cumprimentos
    Carlos Anahory

    1. Meu conselho principal e primordial é que compre as passagens o quanto antes, para que não pague muito caro.
      Boa viagem,
      Luciana

  17. Boa Noite, vou a roma ficarei em roma 6 dias, queria ir 1 dia em Piza e 1 dia em veneza, compensa ir nessas duas cidades, o que me aconselham? eu pegaria o trem bem cedo e depois voltaria embora no final do dia.

    1. Acho cansativo. Veneza são 3:45h para ir e 3:45 para voltar. Mas se é seu sonho, vá e curta 🙂
      Só aconselho comprar a passagem o quanto antes para garantir um preço bem bom.
      Boa viagem 🙂

  18. Bom dia. Tudo bem? Seu site é fantástico. Parabéns! Estou indo em novembro para Milão, e de Milão seguirei para Roma de trem. Minha dúvida é a seguinte: Caso eu saia bem cedo de Milão com destino a Roma e queira descer em Florença para curtir a manhã e tarde e seguir a noite para Roma, é possível fazer isso com a mesmo bilhete Milão x Roma, ou terei que comprar outro Florença x Roma? Muito Obrigado

  19. Olá Luciana, muito legal o seu blog.
    Eu e meu marido pretendemos viajar para a Itália em janeiro de 2017.
    Nossa viagem começa em Roma e gostaríamos de viajar de trem até as cidades de Florença, Bolonha, Veneza e Milão, retornado para Roma (onde pegaremos o voo de volta para o Rio de Janeiro).
    Minha dúvida é: teremos que comprar passagens separadas – Roma.Florença; Florença.Bolonha; Bolonha.Veneza; Veneza.Milão. Certo?
    E a volta de Milão até Roma? O que sugere?
    Muito obrigada.

    1. Sim, para cada cidade onde descerão, devem comprar por trechos:

      Roma-Florença;
      Florença-Bolonha;
      Bolonha-Veneza;
      Veneza-Milão

      Quando a voltar de Milão para Roma: se vocês voltarem no mesmo dia da viagem de volta para o Brasil, acredito ser melhor voltar de avião, assim já ficam no aeroporto mesmo.

      Ou considerar a volta com a TAM (ainda existe?) porque ela opera diretamente de Milão para o Brasil.

      Boa viagem,

      Luciana

  20. Itália é daqueles países que dá para percorrer de comboio! Sempre que viajei para Itália andei de comboio e achei confortável e muito prático… não se precisa de carro!

    1. Algumas localidades muito pequenas são facilitadas com viagens de carro. Mas de grandes cidades para grandes cidades, o trem funciona super bem mesmo!
      Abraços e obrigada por comentar.
      Luciana

  21. Super post! Adorei toda a informação detalhada para seguir de comboio. É um transporte que vale a pena sempre ponderar. Mais amigo do ambiente e hoje têm muita qualidade para viajar.

    1. Sim, e o que eu gosto muito das viagens de trem é também poder ler um livro, enquanto ver por outra também observo a paisagem.
      Abraços,
      Luciana

  22. Achei o artigo super interessante. Nós só realizámos um pequeno itinerário em comboio no Norte da Itália (Milão – Verona – Veneza) e adorámos. Estamos a pensar regressar ainda este ano para descobrir o sul do país. Seguiremos as vossas dicas!

    1. Com certeza gostarão, afinal, os trens mais velozes agora já chegam também a muitas localidades no sul do país.
      Curtam a viagem!
      Abraços,
      Luciana

  23. Eu sempre viajei muito de comboio em Itália, tanto em longas distâncias como em percursos mais curtos… para os comboios de alta velocidade compensa muito comprar online, com antecedência, no site da Trenitália… 🙂

    1. Realmente compensa mesmo. Também sempre procuro comprar com antecedência e no site da ItaloTreno também há boas ofertas.
      Um abraço,
      Luciana

  24. Sempre óptimas dicas sobre Itália, não há como não adorar este blog Muitos parabéns pelo blog e pelo post, claro que já guardei o post para a minha próxima viagem a Itália. Beijinhos

    1. Vale super a pena para quem vai se deslocar entre grandes cidades. Talvez para conhecer pequenos burgos ou localidades menores, o carro ainda é uma opção mais viável.
      Abraços,
      Luciana

    1. Melhor pegar um de Genova até La Spezia, que vai parando em cada cidadezinha costeira que é uma loucura! Quase tão lindas quanto as Cinque Terre.
      Beijossssssss

  25. Luciana,

    Só faltou você comprar os bilhetes e enviar pros leitores, rsrs… tá tudo mastigadinho, show de bola!
    É possível comprar uma passagem de trem fazendo um tipo de Stopover entre as cidades?

    Bjs!

  26. Boa noite,

    Antes de mais, excelente post com boas dicas! 🙂

    De 11 a 18 Set. vou com minha esposa a Itália, de avião até Milão e depois vamos estar em Florença, Pisa, Veneza e depois regresso a Milão para a vinda, as escalas são estas, pretendo estas estações porque são perto dos alojamentos que já reservamos nestas cidades:
    milao malpensa – milao central: 11 set
    milao central – florenca campo di marte: 11 set
    florenca campo di marte – pisa: 13 set
    pisa – florenca campo di marte: 13 set
    florenca campo di marte – veneza mestre: 14 set
    veneza mestre – milao central: 17 set
    milao central – milao malpensa: 18 set

    Estive a ver horários e preços no site da Trenitalia e quando vou a pagar os bilhetes cobram 10€ a mais para gastos administrativos, é normal? Ou seja, uma viagem para 2 pessoas de 24€ fica por 34€, se for feito online.

    Gostaria saber a sua opinião, aconselha mesmo assim comprar online, corremos o risco de pagarmos mais e não termos lugares disponíveis se compramos nos dias da viagem? Ou temos mais vantagens a nível de preço se comprarmos online? Aconselha algum site para o fazer mas que não cobrem nenhuma taxa?

    Muito obrigado pela ajuda e parabéns pelo blog.

    Cumprimentos,
    Fernando Trigo

    1. Olá, Fernando,
      Você está reservando no site oficial? http://www.trenitalia.com/
      Nunca me ocorreu de pagar nem um centavo a mais, afinal, esses são bilhetes eletrônicos.
      Se os trens forem trens de alta velocidade (Trem Frecce) o preço pode aumentar e muito. Se forem trens regionais, nem se preocupe. Compre na hora mesmo, pois esses trens nem tem lugar marcado.
      Espero ter ajudado.
      Luciana

      1. Ola Luciana, afinal o problema estava no site, eu estava no site em PT, logo cobravam um valor de 10€ por viagem, entrei pelo site que indica “trenitalia.com” e consegui sem qualquer taxa suplementar.
        Muito obrigado, Fernando

  27. Ola, Parabens pelo blog! Muito claro e objetivo. Estou indo para Roma em Novembro e de la vou para Veneza. Entrei no site da Raileurope, mas vi que tem taxas e muitas reclamacoes. Pelo seu blog, fui no site da Trenitalia e consegui a mesma tarifa sem taxa. Voce recomenda comprar o ticket logo, mesmo sendo pra Veneza? tambem vou pra Suica de Veneza, vc tem alguma dica de trem? Vi que posso sair de la e ir pra Milao e de Milao ir pra Veneza, onde compraria os tickets?

    Muito Obrigada!

    1. Ingrid, quanto antes melhor, porque você consegue preços mais abordáveis.
      Para a Suiça você tem que comprar passagem saindo de Milão, então teria que fazer Veneza-Milão e Milão-Suiça. No próprio site da Trenitalia há bilhetes saindo de Milão para a Suiça.
      Um abraço,
      Luciana

      1. muito obrigada! e de Veneza pra Milao, preciso comprar logo ou posso comprar la? qual sua opiniao?

        mais uma vez obrigada!

  28. Vou para Itália pela primeira vez no início de Dezembro,gostaria de sua opinião para saber se ir à Veneza é imperdnível?

  29. Olá Luciana tenho um dia P ir a Veneza pode ser de carro,aviao ou trem o Q me aconselha…onde compro ticket de trem

  30. Olá, Parabéns pelo blog. Ótimas dicas. Pode me ajudar. Em dezembro estaremos em Roma e gostaria de ir até Pisa. Pelo que vi os trens vão para Florença e de lá pegá-se um regional até Pisa. É isso mesmo?tenho que comprar as passagens desta forma: de Roma a Florença e de Florença a Pisa? E Como eu compro as passagens desse Regional? Obrigado

    1. Olá, Vera Lucia,
      Na verdade existem alguns (poucos) trens diretos por dia de Roma a Pisa. Geralmente são os Regionale Veloce (RV) e Intercity (IC).
      O primeiro Regionale Veloce do dia sai em um horário bem ingrato (antes das 6 e meia da manhã).
      A maioria das opções é mesmo como você diz Roma-Florença (1 bilhete) e Florença-Pisa (1 bilhete).
      O Regional vende on-line como todo bilhete da Trenitalia, ou bas bilheterias nas estações.
      Espero ter ajudado.
      Luciana

  31. Bom dia,
    Parabéns pelo blog!
    Estou indo para Veneza em maio. e pretendo fazer um tour de trem nas cidades:de Veneza para Nápoles, de Nápoles para Florença, de Florença para Roma e de Roma para Veneza.Esse seria o mais recomendável, em termo de custo?Poderia me ajudar?

  32. Olá Luciana, adorei o seu blog e o inclui nos meus favoritos. Estou com viagem marcada para a Itália chegando e saindo de Roma no período de 18 de abril a 03 de maio de 2017. Será minha primeira visita à Itália. Qual roteiro você sugere para uma viagem tranquila???

  33. Adorei as dicas! Viajei bastante mesmo de trem na minha viagem pelo norte da Itália e foram todos pontuais (exceto na volta de Gênova para Milão que atrasou uma meia hora +/_ e na ida de Bolonha pra Rimini que atrasou +/- a mesma coisa). Tinha lido antes de ir que os trens na Itália eram muito problemáticos, cheio de atrasos, mas ainda bem que no meu caso não foi assim!

  34. Vou para a Itália em agosto e estou tentando elaborar o roteiro. Pensei em Princípio em Roma – Nápoles – Costa Amalfitana – e daí subir para Florença e Veneza (acho que cortaria Gênova e Milão por logística, para poder ir ao sul). Temos 15 dias, fora os de chegada e saída do vôo (ambos por Roma). Acha viável? O ideal é se deslocar de trem entre cada cidade?

    1. Sim, acho viável. Em alguns lugares permanecer 3 dias e em outros 2 dias.
      Obviamente não dá para aprofundar muito, mas dá para conhecer bem as belezas mais básicas e clássicas de cada cidade.
      Um abraço e boa viagem!

  35. Gostei bastante das dicas!
    Tenho uma dúvida quanto às malas. Pela sua experiência, até que tamanho de mala não vai trazer dor de cabeça em uma viagem de 20 dias pelo centro e norte da Itália usando trem? Mesmo em malas consideradas médias, há muita diferença de tamanho.

  36. Boa tarde. em outubro de 2017 irei fazer uma viagem para Itália e preferi fazer o meu roteiro em circuito para ficar mais econômico. Sairei de RJ para Roma, onde farei uma longa espera em Lisboa, na qual irei aproveitar todo o dia. Em seguida chegarei em Roma, depois Florença, Milão e por último em Veneza, de onde voltarei ao Brasil. Pergunto qual o transporte eu utilizo de Florença a Pisa e se de Pisa tem transporte direto para Milão? Para que eu não precise retornar para Florença para seguir para Milão. Nesse caso faria uma economia de passagem dando seguimento para Milão a partir de Pisa. Obrigada.

    1. Oi, Claudia,
      Sim, há alguns poucos trens diretos de Pisa para Milão, os IC (Intercity) ou R (Ragionale). Deve ter 3 por dia: um de manhão cedão, um no horário do almoço (ou logo depois) e um mais pro final do dia.
      Boa viagem!
      Luciana

Deixe uma resposta

Top
Close