You are here
Home > Transporte > chegada em roma > Ao chegar em Roma, evite pegar um táxi pirata

Ao chegar em Roma, evite pegar um táxi pirata

Apesar das várias opções para chegar do aeroporto de Fiumicino e do aeroporto de Ciampino até o centro de Roma, muitos viajantes optam por pegar um táxi até o destino final, principalmente quem chega das 23h às 5:20h da manhã, horário em que os trens não circulam. Meu conselho é: ao chegar nos principais aeroportos e estações de trem, esteja sempre atento aos motoristas de táxi pirata.

Os táxis oficiais, registrados e legalizados possuem o símbolo do Comune (Município) e um número. Além disso, os táxis oficiais são sempre brancos. Algumas vezes também possuem impresso na porta o telefone da cooperativa a que pertencem. Em Roma, eu gosto muito da cooperativa 3570 porque ela permite reservar táxis com um simples torpedo.

Outra dica muito importante: ao entrar no táxi oficial, você perceberá que do lado de dentro da porta traseira (normalmente da porta  esquerda) tem uma placa com o nome e sobrenome do motorista, ou pelo menos de quem tem a licença para dirigir aquele carro. No táxi pirata não existe alguma placa de identificação do motorista e nem do carro!

taxi-em-roma

Muitos motoristas de táxis pirata usam o mesmo tipo de carro dos táxis normais, inclusive da mesma cor e até das mesmas marcas que os táxis oficiais. Tentarão todos os tipos de truques para distrair o cliente, inclusive inventando mentiras.

A placa dos táxis romanos tem o símbolo de Roma, junto com o nome Comune di Roma
Ou esta placa aqui, escrito ROMA CAPITALE (a nova “marca registrada” da Cidade de Roma), com o número da licença e os preços dos táxis.

Normalmente esses motoristas agem da seguinte maneira: abordam o turista assim que ele se aproxima/ passa pela porta de desembarque do aeroporto ou da estação de trem. Dizem: “Taxi”, “Taxi, Mister”. Algumas vezes abordam dentro do aeroporto mesmo, normalmente nos horários noturnos, contando com o cansaço do turista. E quanto mais tarde e maior a fila para os táxis regulares, maior e mais insistente será o número dos motoristas de táxi pirata.

Não viaje para a Itália sem um Seguro Viagem

Compare os preços e compre o seu na Seguros Promo, parcelado em até 12 vezes. Digite ROMAPRAVOCE5 e ganhe 5% de desconto.

Eles contam com o déficit de táxis gritante de Roma e também com a ingenuidade e o cansaço do passageiro, ademais muitas vezes o turista não fala a língua local, está num ambiente totalmente diferente e está mesmo em uma situação mais vulnerável. Muitas vezes quem enfrentou 10-12 horas de viagem, sem contar os tempos de espera em aeroportos e o eventual atraso do avião, quer mais é chegar no hotel, tomar um banho, trocar de roupa, descansar, enfim… começar a vida de turista. O motorista pirata conta com esses fatores a seu favor.

pegar-taxi-em-roma-2
Os táxis oficiais também possuem um letreiro luminoso com a palavra TAXI. Crédito da Foto: site www.mollicone.it

Os táxis pirata não têm seguro como carro de transporte de passageiros e há muitos casos de turistas que foram vergonhosamente ludibriados e acabaram pagando no mínimo o triplo de uma corrida normal. Já com os táxis oficiais a gente tem que estar sempre com um olho no padre e outro na missa, imaginem pegar um motorista qualquer, em um país que não é o nosso, onde não dominamos o idioma e as manhas locais! Infelizmente, vez por outra também há casos de motoristas de táxis oficiais que aproveitam-se do passageiro e cobram mais. Saibam que as corridas de/para o aeroporto são tabeladas.

Mesmo assim quem (ainda) quiser utilizar um táxi pirata, tome a precaução de perguntar o preço total da corrida (incluindo malas) antes de entrar no carro. Caso haja mais de um passageiro pergunte se o preço é pela corrida ou se o preço é por passageiro. Já soube casos de táxi pirata, onde os passageiros tiveram que pagar um preço absurdo por pessoa. Se não entender o preço, dê uma caneta e papel e peça que o motorista anote o preço por escrito.

Se você não domina o idioma, não conhece a cidade e está viajando sozinho(a), vá por mim: não pegue um táxi pirata. Tenho amigos italianos que já passaram por experiências no mínimo desagradáveis.

Saiba que os táxis oficiais podem dar recibo se o cliente assim o desejar. Se você achar que foi extorquido, peça um recibo e memorize o número do táxi. Geralmente os táxis possuem dois códigos de identificação (além da placa interna com o nome do motorista): um número e o nome de uma cidade. Por exemplo: 05 Roma. Com esses dados você pode fazer uma queixa na polícia.

Todo cuidado é pouco… um olho no padre e outro na missa.


Leia também outros posts relacionados:

 Vai visitar o Coliseu e os Museus Vaticanos/Capela Sistina?

Compre o fura-filas com a TicketBar. Venda fácil em Português.


Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa
A Itália faz parte dos países europeus que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Seguros Promo. Cotação gratuita com comparação de preços entre várias seguradoras.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com
 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Booking.com

 Comparador para viagens de trem na Itália
 Compre suas passagens de trem sem custo adicional com a Trainline. Com a Trainline é possível comparar passagens de trem das principais companhias ferroviárias na Itália e Europa, sem acréscimo de preço.

Similar Articles

17 thoughts on “Ao chegar em Roma, evite pegar um táxi pirata

  1. Pingback: Traslado (de ônibus) Fiumicino-Vaticano-Estação Termini | Turismo em Roma
  2. Luciana, estou adorando seu blog! Muito obrigada por compartilhar!
    Aproveito para avisar que o link que encaminharia para a tabela dos preços das corridas não está funcionando.
    Vc poderia me dizer quanto, em média, custa uma corrida até a estação Termini?
    Abraços,
    Claudia

  3. Olá, tenho um voo saindo de Roma para Lisboa com saída as 06:00. Teria que sair no meio da madrugada do hotel. Como vc recomenda eu ir até o FCO? Fica fácil achar táxi nesse horário? Por ser à noite aumenta a tarifa como tipo bandeira 2 no Brasil? Enfim qual a melhor maneira de chegar no aeroporto nesse horário?
    Belo site.
    Grato.

    1. Sim, é fácil achar táxi. Peça ao seu hotel para reservar. Não há tarifa adicional para reserva. A corrida para o aeroporto tem preço fixo de 48 euros, portanto, não importa a bandeira. Abs, Luciana

  4. Luciana, estou adorando suas dicas, mas ainda estou receosa com a minga situação. Meu voo sai do ciampino às 6h15 da manhã, portanto terei que madrugar. E estarei sozinha. o que você ne sugere? Pegar um táxi mesmo? É seguro? Vou ficar 3 dias em roma e ainda não fechei hotel justamente por causa desse voo de retorno, já que não sei qual seria a melhor localização. Muito obrigada!!!

    1. Sim, eu sempre pego táxi super cedo. O hotel pode reservar o táxi para vc no dia anterior ou, sendo assim cedo, podem ligar na mesma hora e o táxi chega em 5 min. Se vc tiver um chip italiano, pode chamar o taxi com um torpedo como dei as dicas aqui: http://turismoemroma.com/dicas-roma-servico-taxi/. Também já nos servimos desse motorista brasileiro no ano passado: http://www.elmocar.com/. De qualquer modo, os hotéis costumam ter contatos com empresas que fazem transfer. Geralmente custam de 10 a 15 euros a mais do que o preço dos taxis. Um abraço, Luciana

  5. Oi Fabiola, posso aconselhar de contatar a Elmocar de Roma, eles oferecem transfer e citytours em Roma e tem parceiros na França tambe assim voce começa bem a sua viagem ok!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top