You are here
Home > Atrações > Fontana di Trevi para íntimos: como vê-la vazia e tirar muitas fotos

Fontana di Trevi para íntimos: como vê-la vazia e tirar muitas fotos

A Fontana di Trevi é uma das cinco atrações mais visitadas de Roma. Ela é linda, majestosa, fascinante… o único problema é conseguir tirar uma foto sem uma enorme multidão ao redor. Mas consegui! Tive um momento inesquecível, que chamo de Fontana di Trevi para íntimos.

fontana-di-trevi-10

Muvuca o ano inteiro…e pau de selfie na cara!

fontana-di-trevi-roma-8

O que as fotos dos postais não mostram e muitos guias turísticos não contam, é que jogar a moedinha e tirar uma foto na Fontana di Trevi é tarefa para os fortes e pacientes. Se força não me falta, posso dizer que paciência, realmente, não é uma das minhas virtudes. E como moradora de Roma, aquela muvuca permanente na Fontana di Trevi, e caminhar a passos lentos nas ruas nos seus arredores durante a alta temporada é absolutamente irritante!

fontana-di-trevi-roma-2

Agora com a moda do pau de selfie, sim, corri o risco de levar uma paulada na cara!

Mas recuperei o meu amor pela fonte quando passei a visitá-la bem cedinho

Fontana di Trevi para íntimos: o segredo é ir cedo ou tarde da noite

Assim como fiz com a Piazza Navona e com o Pantheon, desde 2013 escolho um dia do ano, que pode ser programado (como fiz no verão de 2013), ou mais ou menos por acaso (como fiz em janeiro de 2016), já que tinha que estar cedo no centro de Roma, e fui ver a fonte por volta das 7:30 da manhã. Saiba que até 8:15-8:30 da manhã ainda é possível tirar boas fotos, sem muita multidão ao redor. Você também pode ter o seu momento todo especial de Fontana di Trevi para íntimos. Vale m-u-i-t-o a pena.

fontana-di-trevi-roma-3
Aqui a foto foi feita à noite. Tinha gente, mas não estava super lotada!

Você pode dizer que eu estou louca (risos), que nunquinha acordará cedo para ver uma atração turística. Se posso dar uma conselho de amiga: vá, contemple a fonte, tire as fotos, jogue suas moedas e, se for o caso, volte para o hotel e durma mais um pouco.

fontana-di-trevi-roma-5

No dia em que cheguei lá por volta das 7:20 da manhã, e ainda estava amanhecendo (sim! no inverno é assim!), encontrei duas ou três famílias ali sentadas, vendo a fonte, tirando várias fotos sem ninguém junto, batendo papo… tudo no maior silêncio e tranquilidade.

fontana-di-trevi-4
Ainda está meio escuro porque é inverno, mas já eram quase 8 horas da manhã.

O melhor disso tudo: escutar o jorrar da fonte em pleno silêncio parece uma orquesta para os nossos ouvidos. A emoção é única! Nem Mastercard paga!

8 curiosidades sobre a Fontana di Trevi

  1. A Fontana di Trevi começou a ser construída em 1732 e só foi completada 30 anos depois. Papa Clemente XII fez um concurso cujo vencedor foi o arquiteto Nicola Salvi. Mas quem completou a obra foi Giuseppe Panini. Muitos afirmam que Salvi se inspirou em um antigo projeto de Bernini, pois outros papas haviam tentado reconstruir a fonte que já existia no local.
  2. Ela foi construída no local onde já existia uma queda d’água natural. A água que a alimenta vem de um dos mais antigos aquedutos romanos: o Aqueduto Acqua Vergine.
  3. Assim como todos aqueles que visitam a Fontana di Trevi, não esqueça de lançar a sua moedinha. Segunda a superstição, isso garantirá o seu retorno à Cidade Eterna. Muitos dizem que quem estiver à procura de um amor, deve lançar ainda mais moedas. Será verdade? Não custa tentar!
  4. Já famosa, a fonte foi imortalizada pela famosa cena do filme La Dolce Vita, de Federico Fellini, em que os atores Anita Ekberg e Marcello Mastroianni entram na água. Marcello irritado com a temperatura fria da água, usava uma roupa de mergulhador por baixo do terno.
  5. Todas as moedinhas da Fontana são recolhidas e doadas para instituições de caridade. E quem tentar roubá-las, é preso! E há sempre alguém que tenta roubá-las!
  6. Também não é permitido tomar banho, mergulhar e nem mesmo molhar os pés na Fonte.
  7. Em Outubro de 2007 um vândalo jogou um colorante e toda a água da fonte ficou vermelha. Houve temor que o mármore ficasse manchado, a fonte foi fechada, mas depois que a água limpa voltou a circular, tudo voltou ao normal.
  8. De meados de 2014 a final de outubro de 2015 foi o ano da “desilusão” para muitos turistas. A fonte passou por reformas e ficou 10 meses fechada, sem a possibilidade de jogar moedinhas ou fazer fotos. Foi reinaugurada com toda a pompa e circunstância, para nossa felicidade!
obras-da-fontana-di-trevi-2
A fonte durante as obras.

Onde fica a Fontana di Trevi?

Ela fica bem no centro histórico de Roma, no bairro Trevi e a breve distância de muitas atrações turísticas. As fontes famosas mais próximas da Fontana di Trevi são a Fontana del Tritone e a Fontana della Barcaccia, ambas de Bernini.

Um ótimo percurso para quem vem de Termini, é chegar até a Fontana a pé, passando pela Via Nazionale ou pelo bairro Quirinale.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com



Booking.com

Compre seus ingressos agora e pule a file!

Ingressos para o Coliseu, Museus Vaticanos, Galleria degli Uffizi e inúmeras atrações no mundo todo, sem ter que enfrentar filas.

Para mais ingressos, visite a página de ingressos do Roma Pra Você.

Similar Articles

6 thoughts on “Fontana di Trevi para íntimos: como vê-la vazia e tirar muitas fotos

  1. Concordo com você. Fiz isso quando estive em Roma, visitei Trevi por diversas vezes, sempre lotada de gente. Uma manhã de inverno cheguei na fonte às 8:00h da manhã e não tinha mais do que cinco pessoas. Vale a pena vê-la sem ninguém…a magia é diferente quando ela está vazia!

  2. Oi Lu!!! Vc saberia dizer se a Fontana “fecha” ou “pára” de madrugada? Outra perguntinha, a Fontana foi restaurada, mas atualmente, algum dos prédios ao redor está em restauração com aqueles ferros na fachada?

    1. Ela nunca para ou fecha. Funciona 24 horas por dia.
      Acredito que, sim, ainda tenha um prédio perto com fachada em obras. Mas não é um prédio colado na fonte.
      Não atrapalha em nada a foto!
      Abs,
      Luciana

  3. A fontana Realmente é algo espetacular. Sempre que vou a Roma a trabalho, busco uma brechinha pra ir lá na Fontana.
    Sou fotógrafo e quando tenho clientes querendo produzir algo de fotos por lá, meu primeiro conselho é justamente esse: CEDO! Bem cedo! E rápido! Porque logo cedo enchem de turistas.
    Abraço e adorei o artigo.
    Vou deixar meu link aqui para quem quiser contato para fotografo brasileiro em Roma. Ok?

Deixe uma resposta

Top
Close