You are here
Home > Atrações > Antigo Estádio de Domiciano: conhecendo o subterrâneo da Praça Navona

Antigo Estádio de Domiciano: conhecendo o subterrâneo da Praça Navona

A Praça Navona é uma das mais bonitas e monumentais de Roma, onde se localiza um dos palácios mais bonitos e históricos da cidade: o Palazzo Pamphilj, sede da embaixada brasileira. Há também fontes monumentais, como aquela feita por obra de um dos maiores arquitetos italianos de todos os tempos: A Fonte dos Quatro Rios, de Gian Lorenzo Bernini, além da igreja de Santa Agnese in Agone, do seu rival Borromini. Mas o que muitos não sabem é que ela também possui um passado antigo escondido no subterrâneo da Praça Navona.

O local onde a Praça Navona está localizada fazia parte do Campo de Marte desde a época dos primeiros reis de Roma (século VII a.C.). Essa era uma parte de Roma que ficava fora dos muros da cidade, a qual era usada para treinamentos militares.

Arcada da porta principal do Estádio de Domiciano

Que nome mais apropriado para o local do aquele do deus da guerra, Marte (para os romanos) e Apolo (para os gregos)?

Você deve ter visto esse “buraco” com uma coluna exposta no lado externo da Praça Navona. A visita é ali embaixo!

O Campo de Marte também abrigava cemitérios e sepulturas, pois era proibido enterrar os mortos dentro dos muros da cidade. Não é por acaso, que a norte da Praça Navona encontra-se um dos maiores e mais importantes mausoléus da antiguidade: o túmulo de Augusto, que infelizmente só é aberto ao público em ocasiões especiais. Mas parece que um grande mecenas dos Emirados Árabes investirá alguns milhões, assim como Fendi fez para a reforma da Fontana di Trevi. Vamos cruzar os dedinhos e aguardar!

Essa maquete pertence ao Museu da Civilização Romana, que está atualmente fechado para obras. A parte que visitamos atualmente é essa parte curva. A porta principal é a que retratamos na foto inicial do nosso post. Fantástico, né?

Após o grande incêndio de Roma em 64 d.C., cujo maior suspeito é Nero, muitos monumentos foram destruídos. Em 80 d.C., na época de Tito, que pertencia à dinastia que construi o Coliseu, houve um outro grande incêndio em Roma. Então, em 85 d.C. o imperador Domiciano, irmão mais novo e sucessor de Tito resolveu construir um estádio ali onde hoje temos a Praça Navona.

Praça Navona vista do alto. A parte que podemos visitar está no lado direito, ali onde tem aquela curva. Foto: Wikipedia Commons.

O estádio tinha somente dois andares e podia acolher 30.000 pessoas. Como os atletas treinavam e competiam totalmente nus, as mulheres não podiam assistir aos espetáculos e lutas!

Hoje em dia é possível visitar uma pequena parte do subterrâneo. O arqueólogo que guiou a nossa visita, nos disse que a école française, junto com o governo francês, vai disponibilizar o acesso ao subterrâneo do prédio do instituto francês (que está na rua ao lado da Praça Navona: Corso Rinascimento), portanto, no futuro será possível ver mais uma parte do Estádio de Domiciano.

Ao caminhar pela lindíssima Praça Navona, imagine que todos os prédios, barzinhos, restaurantes estão construídos por cima do antigo estádio. Algumas das antigas colunas e escadarias do Estádio de Domiciano estão no subsolo da Embaixada do Brasil!

Fizemos a visita com o acompanhamento de um arqueólogo. A entrada sem visita guiada custa 5 euros, com visita guiada custa 10 euros. Ter uma explicação dada por alguém competente fez toda a diferença, e o passeio valeu muito a pena, mesmo!

Uma consideração muito importante: o passeio é muito interessante! Mas eu acho que o que faz dele algo magnífico (assim como muitos passeios em Roma, como o subterrâneo e o andar panorâmico do Coliseu) é ter o acompanhamento de um guia, principalmente se esse guia for um arqueólogo, como o nosso.

As explicações técnicas dadas com simplicidade, mas com ilustrações, com exemplos, ligando um fato histórico ao outro foram fundamentais. Infelizmente esses passeios atualmente são feitos somente nos finais de semana e exclusivamente em italiano. Mesmo assim, e principalmente para quem fala espanhol ou arranha no portunhol (risos), é possível compreender a língua italiana.

Dias e horários: abre todos os dias, das 11 às 20h. O ingresso custa 5 euros (sem guia) e 10 euros (com guia).

Site: www.stadiodomiziano.com

Endereço: Via di Tor Sanguigna, 3

Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa

A Itália faz parte dos países europeus signatários do Tratado de Schengen que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Real Seguros, empresa parceira do blog. A cotação é totalmente gratuita e você pode comprar os produtos de várias seguradoras. Além de garantir o menor preço, o seu seguro pode ser parcelado em até 6 vezes sem juros no cartão de crédito. Descontos de 5% para pagamentos à vista com boleto bancário. Os seguros cobrem assistência médica e hospitalar, com possibilidade de atendimento no seu hotel, remarcação de voos, extravio de bagagens e até traslados em caso de falecimento no exterior. Não confie na sorte.

Compre seus ingressos agora e pule a file!

Filas em Roma? Nunca mais! Ingressos para o Coliseu, Museus Vaticanos, além do Roma Pass, o passe que une meios de transporte às atrações turísticas. A interface do site e o atendimento são em língua portuguesa.


Para mais ingressos, visite a página de ingressos do Roma Pra Você.

Similar Articles

17 thoughts on “Antigo Estádio de Domiciano: conhecendo o subterrâneo da Praça Navona

  1. Como assim existe um lugar incrível desses debaixo dessa já maravilhosa praça? Estou chocada por nunca sequer ter ouvido falar ou ver mencionado em lugar nenhum esse passeio. Muitíssimo obrigada por compartilhar, é claro que farei da próxima vez que estiver em Roma. Sua dica foi sensacional!

  2. Em qualquer buraco que se cave em roma vão encontrar história, para mim este local é de visita obrigatória, obrigado pelas dicas !

  3. Nossa, que incrível! A Praça Navona foi uma das minhas coisas favoritas em Roma, agora saber que existe todo um mundo escondido embaixo dela deixou ela mais interessante ainda! Vou tirar o projeto de aprender italiano do papel pra aproveitar passeios como esse. Dica super interessante. Amei!

  4. Que dica super legal! Vou pra Roma em abril e esse lugar não estava no meu roteiro. Me interessei muito, vou ajeitar os horários aqui e espero que consiga incluir! 😀

  5. Nossa, não sabia que podia visitar as ruínas embaixo da Piazza Navona, novidade pra mim. Já visitei a Piazza Navona por duas vezes e nunca tinha visto o tal “buraco”, que pena. Na próxima não perco por nada desse mundo. Ótima dica!

    1. Acho que é um passeio que vale a pena, porque complementa a visita ao restinho do Circo Máximo e ao Coliseu também.
      Um abraço,
      Luciana

  6. Roma não cansa de surpreender. Adorei a dica! Ter a oportunidade de visitar um lugar como esse por €5-€10 vale muito a pena! DIca devidamente anotada para quando estiver por aí. 🙂

Deixe uma resposta

Top
Close