You are here
Home > Grátis > Saibar como visitar o Coliseu, museus e monumentos sem pagar um tostão

Saibar como visitar o Coliseu, museus e monumentos sem pagar um tostão

Recentemente o Ministro do Turismo assinou um novo decreto para dar “um empurrãozinho” ao turismo italiano. A Itália possui o maior número de sítios arqueológicos eleitos pela Unesco no mundo todo, mas não está dentre os primeiros países que lucram com a exploração do seu imenso, riquíssimo e inestimável patrimônio cultural. Isso, claro, sem falar das belezas naturais e da variedade enogastronômica.

1404386846615_Domenicaalmuseo
Crédito da Foto: MIBAC

Com o novo decreto promulgado recentemente, todos os monumentos históricos, museus e estruturas estatais de interesse cultural estarão abertos ao público com visita grátis no primeiro domingo do mês. Ontem foi o primeiro dia da iniciativa e somente o Coliseu teve 28.000 visitantes.

Dado que o Vaticano é um território à parte, os Museus Vaticanos não aderem à essa iniciativa, mas desde sempre eles já tem abertura grátis todos os últimos domingos de cada mês, das 9:30 às 14:00 (última entrada às 12:30). Para informações, consulte o site: http://www.museivaticani.va/2_IT/pages/z-Info/MV_Info_Orari.html

Meu conselho prático: programe-se e chegue na fila pelo menos meia hora antes da abertura do monumento.

Gratuidade diferenciada para turistas e residentes

A gratuidade é diferenciada para turistas e residentes. Por quê? Todo o patrimônio estatal sobre jurisdição do Ministério dos Bens Culturais é grátis para todos, turistas e residentes da cidade onde fica a atração.

Já as atrações estaduais ou municipais concedem a gratuidade somente para os residentes da própria cidade ou estado.

Um exemplo: Em Roma, o Coliseu é grátis para todo mundo, mas os Mercados de Traiano não são. Nesse segundo caso, as bilheterias exigem que mostremos um documento oficial (identidade ou carteira de motorista, e esses contém nossos endereços!)

Que atrações são grátis em Roma e como encontrar informações atualizadas?

Você deve clicar nesse link enorme: http://www.beniculturali.it/mibac/export/MiBAC/sito-MiBAC/Contenuti/MibacUnif/Eventi/visualizza_asset.html_309444232.html#Lazio e procurar pela região (estado) onde a atração se encontra.

No caso de Roma, as atrações estão elencadas no link LAZIO.


Organize agora a sua viagem

Viaje tranquilo com um Seguro para Viagens na Europa
A Itália faz parte dos países europeus que exigem um seguro para viagem com cobertura mínima de € 30.000. Contrate o seu com a Seguros Promo. Cotação gratuita com comparação de preços entre várias seguradoras.

Procurando um hotel em Roma? Reserve agora com o Booking.com
 O Booking.com é a empresa selecionada como parceira para reservas de hotéis em Roma, em qualquer outra cidade da Itália e no resto do mundo. As vantagens do Booking.com? O site está em português e você pode ver a cotação em reais. Booking.com

 Comparador para viagens de trem na Itália
 Compre suas passagens de trem sem custo adicional com a Trainline. Com a Trainline é possível comparar passagens de trem das principais companhias ferroviárias na Itália e Europa, sem acréscimo de preço.

Similar Articles

3 thoughts on “Saibar como visitar o Coliseu, museus e monumentos sem pagar um tostão

  1. Olá 😀
    Para usar estas entradas grátis no primeiro Domingo do mês, é só preciso esperar na fila para entrar no Coliseu? E aí eles dão um bilhete que nos permita depois entrar no fórum e no Palatino?
    Obrigada 🙂

    1. Sim, é só esperar na fila, e com o bilhete vocês podem também visitar o Forum Romano e Palatino, no mesmo dia ou no dia seguinte. O bilhete vale 2 dias, com direito a uma entrada em cada monumento/zona arqueológica.

Deixe uma resposta

Top