You are here
Home > Transporte > como se locomover > Trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza, com conexão para Pisa, Gênova e Cinque Terre

Trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza, com conexão para Pisa, Gênova e Cinque Terre

Finalmente uma boa notícia para aqueles que, como eu, são amantes das viagens de trem. Sobretudo, para os turistas que chegam no Aeroporto Fiumicino mas que não pretendem ficar em Roma. A partir de 18 de Dezembro de 2018, retorna o trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza.

Geralmente, quem chega na Itália pelo Aeroporto Fiumicino e quer ir para Florença ou Veneza, é obrigado a pegar um trem ou ônibus até a Estação Central Roma Termini (a maior da Itália e quarta maior da Europa), para dali pegar outro trem até o destino final. Com esse itinerário o trem sairá de Fiumicino até Termini e depois irá para Florença e Veneza. A diferença é que você fica no mesmo trem e não precisa trocar de veículo.

Há cerca de dois anos a Trenitalia já tinha testado esses itinerários, com trens de alta velocidade. Mas não sei dizer porque a um certo ponto o serviço foi interrompido. Além dos destinos como Florença e Veneza, o trem também facilita a chegada (nesse caso trocando de trem) até 3 destinos: Pisa, Gênova e La Spezia (onde ficam as famosas Cinque Terre).

 Dicas de hotéis no Aeroporto Fiumicino: Hello Sky (veja aqui) | Ibis Roma Fiera (veja aqui) | Mercure Hotel (veja aqui) | Sleep and Fly Rome Airport (veja aqui) | Best Western (veja aqui)

Como funciona o trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza?

Esses trens são os AV (Alta Velocidade), popularmente conhecidos como trem-bala porque alcançam até 230 km de velocidade.

Leia também: Principais tipos de trem e passagens de trem na Itália

Então quem chega no Aeroporto Fiumicino, se dirigirá às plataformas do terminal ferroviário (que ficam dentro do próprio aeroporto), e dali embarcará para Florença ou Veneza, passando rapidamente por Roma, mas sem ter que descer do trem.

 Dicas de hotéis em Florença: Guicciardini (veja aqui) | AQA Palace (veja aqui) | Macci (veja aqui) | Palazzo Riblet (veja aqui) | Downtown Deco (veja aqui)

Atualmente (na data de redação desse post, mas tudo pode mudar), as ofertas de horários são:


Trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza:  os horários da ida

Há dois trens por dia saindo de Fiumicino às 11:08 e às 15:08 em direção a Florença e depois ele para Veneza, pois o ramal ferroviário é o mesmo:


 Dicas de hotéis em Veneza: Hotel Ala (veja aqui) | Hotel Diana (veja aqui) | Hotel Belle Arti (veja aqui) | NH Collection Palazzo Barocci (veja aqui) | Carnival Palace (veja aqui)

A seguir os horários do percurso completo, com a chegada em Veneza:


Trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza:  os horários da volta

Na volta também há um trem por dia que sai de Veneza e vai para Fiumicino, no horário das 9:37h.

E de Firenze há também, no horário das 7:38h.


Trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza: as baldeações para chegar em Pisa, Gênova e Cinque Terre

Esses trens também foram pensados para quem quiser chegar rapidamente a Pisa, Gênova e La Spezia, para dali ter acesso a Cinque Terre. Os horários deles coincidem com outro trem de alta velocidade, fazendo baldeação em Roma Termini.

Observe que são dois trens: o primeiro sai do Aeroporto e vai até Roma Termini

Depois dali ele segue um percurso passagem por algumas cidades, dentre as quais: Pisa, La Spezia (Cinque Terre) e Gênova

 Dicas de hotéis em Cinque Terre: Relais Santa Caterina (veja aqui) | MaDa Charm (veja aqui) | Ca D’Alba (veja aqui) | B&B Vignola (veja aqui) | Cadè Ventu (veja aqui)

Vale a pena pegar o trem do Aeroporto Fiumicino para Florença e Veneza?

Acho que esse trem direto só vale a pena se seu voo aterrissar em Roma em um horário que possa coincidir com o horário de partida do trem.

Muitas companhias aéreas intercontinentais oferecem voos que aterrissam em Roma por volta das 7h da manhã. Considerando a fila da imigração italiana no aeroporto (para quem não tem passaporte europeu) e o retiro das bagagens, muito provavelmente por volta das 9h da manhã (se não bem antes) você já estará liberado.

Quem fizer uma primeira escala na União Europeia (se você fizer escala em Portugal, França, Espanha, Holanda e Alemanha, por exemplo), graças ao Tratado de Schengen, não é mais necessário passar pela imigração. Portanto, se sua chegada por Roma for cedo e rápida, não acredito que valha a pena mofar no aeroporto só para não ter que descer na Estação Termini para pegar outro trem. Pense nisso!

Leia também: Chegar do Aeroporto Fiumicino ao Centro de Roma


MAIS DICAS PARA VIAJAR DE TREM NA ITÁLIA

Similar Articles

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Top